Burla de 40 milhões de euros com vistos Gold em Benavente

Em Empresas/Sociedade

Investidores chineses dizem que pensavam que estavam a comprar lojas e que em vez disso venderam-lhes armazéns na zona de Benavente e acabaram por não ter osvistos Gold. 

O Ministério Público (MP) está a investigar o processo de construção do Centro POAO, o megacentro comercial chinês grossista, no Porto Alto, Samora Correia, concelho de Benavente. A investigação surge na sequência de uma série de denúncias, entregues ao MP e à PSP, por investidores chineses que alegam que foram vítimas de burla e que entraram no negócio para conseguir o chamado visto “gold”, revela o jornal Público, na sua edição deste sábado, 29 de junho.

Segundo o “Público”, está em causa o investimento de vários cidadãos chineses em armazéns no entreposto comercial POAO, no Porto Alto, que teve um custo total de 40 milhões de euros.

A POAO II – Investimentos Imobiliários, promotora daquele espaço comercial (criado para distribuir produtos a lojas chinesas), é uma das entidades visadas pelos denunciantes, que se queixam de terem investido em armazéns quando pensavam estar a investir em lojas.

Segundo o “Público”, entre 2014 e 2017 cerca de 50 famílias chinesas investiram pelo menos 500 mil euros cada neste projeto. E a maior parte das queixas nota que o contrato firmado entre os investidores e o promotor imobiliário apresenta termos distintos para os imóveis que estavam a ser adquiridos: a versão portuguesa do contrato referia armazéns, enquanto a versão chinesa falava em lojas. Uma das queixosas aponta ainda que pensava estar a investir em duas lojas para venda ao consumidor final no centro de Lisboa e não num centro grossista fora da cidade.

A POAO tem entre os seus sócios Choi Man Hin, que é presidente da Estoril-Sol (dona do Casino Estoril e do Casino de Lisboa) e braço direito do magnata Stanley Ho. O empresário não respondeu ao “Público” e a advogada que o representa, Glória Ribeiro, alegou não poder fazer comentários sobre o caso.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Empresas

Ir para Início