Jovens de Samora Correia propõem criação de banco distrital de voluntariado

Em Sociedade

A criação de um banco de voluntariado no distrito de Santarém é a grande aposta da Associação de Jovens de Samora Correia que concorreu à edição, deste ano, do Orçamento Participativo Jovem Portugal.

Para Catarina Silva, membro da AJSC e responsável pela apresentação da ideia, “a instituição de uma plataforma atualizada diariamente e gerida em parceria com instituições que prosseguem atividades de voluntariado no distrito de Santarém é útil para jovens e menos jovens que pretendem colocar o seu tempo livre a favor de uma comunidade e, por vezes, não sabem onde nem como o fazer.”

O projeto defendido pelos jovens samorenses consiste na criação de um sítio na Internet e da disponibilização de uma aplicação para smartphone onde as instituições, previamente registadas, podem facilmente inserir as vagas de voluntariado disponíveis e os candidatos submeter as suas candidaturas através de um processo fácil e rápido, entre outras funcionalidades que estão agora a ser estudadas pela organização.

Além da votação através do site (http://bit.do/eW38E), é possível colocar o banco distrital do voluntariado na final do OPJ através do envio de uma SMS gratuita para o número 4310 com o número da proposta (97), o número de cartão de cidadão e uma palavra de confirmação.

Além desta medida, a AJSC propôs ainda a criação de uma campanha distrital de sensibilização para a importância do associativismo, nomeadamente o associativismo juvenil, e de uma palestra itinerante por várias escolas do distrito de Santarém sobre o processo de ingresso no ensino superior.

O Orçamento Participativo Jovem é uma iniciativa do Governo português que prevê a disponibilização de 500 mil euros para serem gastos em projetos decididos por jovens com idades entre os 14 e os 30 anos. 

A  fase de votação iniciou-se no dia 22 de junho e decorre até 4 de agosto.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Sociedade

Ir para Início