Município da Chamusca investe 760 mil euros em nova iluminação pública LED

Em Região

Começaram na terça-feira, dia 23 de julho, na vila da Chamusca, os trabalhos de substituição das atuais lâmpadas da iluminação pública por novas luminárias com tecnologia Led.

No total, vão ser substituídas 4.645 luminárias em todo o concelho, num investimento global de 759.753,52€ (acrescido de IVA), do qual o Município investe apenas 5% e o restante é garantido através do Programa Operacional Regional do Alentejo (Alentejo 2020 – Portugal 2020), graças a uma candidatura aprovada no âmbito do aviso para investimentos na melhoria da Eficiência Energética das Infraestruturas Públicas da Administração Local.

A comparticipação do projeto (95%) é garantida pelo Portugal 2020, mas tratando-se de uma subvenção reembolsável, o Município irá ter de fazer a devolução da verba comparticipada. No entanto, graças às poupanças alcançadas pela diminuição do consumo de energia elétrica, é expectável que, ao longo de oito anos, a redução de custos permita financiar até 70% do valor da verba a reembolsar pelo Município no âmbito da candidatura. Após os oito anos iniciais, o Município da Chamusca passa a gerir toda a verba poupada durante a vida útil dos equipamentos.

No concelho da Chamusca, estima-se que a substituição das 4.645 luminárias represente uma poupança de 57,1% no consumo energético, o que – aos preços atuais – significa uma redução de custos de 166.816.84€ ao ano.

Além disso, a substituição por lâmpadas Led tem uma segunda vantagem: a redução de 412,53 toneladas ao ano de CO2 (dióxido de carbono), isto é, cerca de metade das emissões atuais.

Estas metas ambientais e de melhoria da eficiência energética inscrevem-se nos objetivos gerais do Estudo para o Apoio à Transição para uma Economia de Baixo Carbono na Lezíria do Tejo e no programa de Promoção da Eficiência Energética em Equipamentos Públicos da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (que faz parte da Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial – Lezíria 2020).

Importa salientar que as caraterísticas técnicas das luminárias permitem aumentar significativamente os níveis de iluminação adequados à circulação rodoviária e pedonal. A tecnologia Led vem substituir as antigas luminárias de vapor de mercúrio e de vapor de sódio de alta pressão.

O presidente da Câmara Municipal da Chamusca, Paulo Queimado, sublinha a importância desta medida para o objetivo mais abrangente de cumprimento das metas europeias e nacionais de redução das emissões de gases com efeito de estufa (descarbonização ou neutralidade carbónica da economia portuguesa, através da adoção de novas tecnologias e de práticas que reduzam a emissão de dióxido de carbono), sendo ainda um investimento público que permite responder à necessidade de adaptação da sociedade às alterações climáticas e trazendo poupanças financeiras ao município, pela redução significativa dos gastos com a iluminação pública através da melhoria da eficiência energética.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Região

Ir para Início