Centenário da Praça de Toiros da Chamusca com homenagens à Misericórdia, forcados e cavaleiro tauromáquico

Em Ribatejo Cool

O Município da Chamusca homenageou a Santa Casa da Misericórdia da Chamusca, os dois grupos de forcados do concelho e o cavaleiro tauromáquico Rui Salvador por ocasião da Corrida de Toiros dos 100 anos da Praça de Toiros da Chamusca.

Praça da Chamusca – Dia do Centenário from Campo Pequeno TV on Vimeo.

Antes do início da corrida, o presidente da Câmara Municipal da Chamusca, Paulo Queimado, entregou uma salva de prata ao Provedor da Santa Casa da Misericórdia, Nuno Castelão, assinalando desta forma a homenagem do Município da Chamusca pelos 100 Anos da Praça. Nesta altura, foi também descerrada uma placa comemorativa da efeméride do centenário, que fica destacada no topo da porta de entrada dos cavaleiros em praça.

Foram também entregues duas pinturas, alusivas à Praça de Toiros da Chamusca, como símbolo da homenagem aos dois grupos de forcados do concelho: ao Grupo dos Forcados Amadores da Chamusca, que assinala 45 anos; e ao Grupo de Forcados Amadores do Aposento da Chamusca, que assinala o 35.º aniversário.

O Município associou-se ainda à homenagem que neste dia foi prestada ao cavaleiro tauromáquico, Rui Salvador, que está a comemora os 35 anos da sua alternativa. O cavaleiro foi, aliás, uma das figuras da corrida, a par dos cavaleiros João Moura e António Ribeiro Telles. Neste espetáculo atuaram ainda os dois grupos de forcados já referidos e o Grupo de Forcados Amadores de Lisboa.

No dia do centenário da praça, a 3 de agosto, o Município associou-se a duas outras iniciativas oficiais: a criação coletiva da escultura “O Toiro”, da autoria do escultor Rui Fernandes, mas que contou neste dia com a participação de muitas pessoas que “colocaram as mãos na massa” e deram forma ao corpo da obra, fazendo parte da história deste momento; ainda nessa tarde, o Município abriu as portas da Galeria Municipal para receber uma visita guiada à exposição de pintura e escultura com obras da autoria de Manuel Fernandes e Rui Fernandes, patente até dia 9 de agosto.

A destacar ainda neste dia, a partida simbólica dos Paços do Concelho por parte da Marcha do Grupo Desportivo União Carregueirense, que desfilou até à Praça de Toiros, onde os marchantes presentearam o público com a Marcha do Centenário, estreada durante as Marchas da Carregueira, em junho, e que faz alusão à história da Praça.

Na Corrida dos 100 anos da Praça, a associação Chamusc’Arte e alguns artistas convidados proporcionaram também alguns momentos de música, teatro e dança, alusivos à história da praça e à tradição tauromáquica do concelho da Chamusca.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início