fbpx

Começa hoje a 10.ª edição do Festival Bons Sons em Cem Soldos

Em Ribatejo Cool
BONS SONS 2017 – público no concerto de Capitão Fausto no Palco Eira. Foto: Carlos Manuel Martins

Começa esta quinta-feira o Festival Bons Sons.

De 8 a 11 de agosto, milhares de visitantes dão um salto a Cem Soldos, aldeia do concelho de Tomar, por estes dias transformada num imenso recionto, onde os visitantes confraternizam com os moradores, e embarcam numa viagem pela música portuguesa.

Para quem vai de carro, o caminho é simples: basta seguir até Tomar ou Torres Novas e daí pela Estrada Nacional 349-3 até Cem Soldos (Madalena). No GPS, as coordenadas que interessam são estas: 39°35’10.8″ N 8°27’05.2″ W. O trajeto até ao festival não podia ser mais fácil e direto e existem 20 parques de estacionamento à volta da zona do festival.

Claro que é sempre bom ter em conta o meio ambiente, por isso o festival recomenda o uso de transportes públicos, com direito a descontos.

A CP – Comboios de Portugal oferece um desconto de 30% num bilhete de ida e volta a todos os portadores de bilhete BONS SONS, para viagens de 7 a 12 de agosto, com destino a Tomar ou Paialvo.

O BONS SONS disponibiliza também um transfer, de hora em hora, entre Cem Soldos e Tomar (estação de comboios CP e estação de autocarros) e Paialvo (estação de comboios CP, Linha do Norte). Este serviço está disponível de 7 a 12 de agosto. De 8 a 11 de Agosto, circula das 10h às 4h15. Dia 7, das 10h às 22h e, no dia 12, das 10h às 16h00. O bilhete de ida e volta custa 1,50€.

o BONS SONS é todo ele composto por música e concertos com os mais variados artistas portugueses vindos de todo o país. Mas o festival tem bem mais para oferecer.

A programação paralela, este ano, conta com espetáculos de dança, sessões de cinema, peças de teatro, debates, percursos artísticos pela aldeia e todo um espaço dedicado às famílias e crianças que passem pelo festival e queiram passar bons momentos com as atividades preparadas especificamente para elas.

Como sempre, é possível levar um pouco de Cem Soldos (e não só) para casa graças à Feira do BONS SONS, onde artistas, artesãos e alfarrabistas expõem e vendem todo o tipo de peças únicas. Claro que viver o festival também passa por conhecer e conviver com todos os habitantes e visitantes que fazem de Cem Soldos o local especial que é.

E, porque não há melhor forma de refrescar do que com mergulhos na água, é preciso mencionar que toda a área à volta do festival está repleta de praias fluviais num raio de 20 quilómetros. Desde o Agroal, na nascente do Nabão, às praias do rio Zêzere, as escolhas são muitas. Uma oportunidade perfeita para descobrir as paisagens naturais que a região tem ao dispor.

BONS SONS 2017 – Les Saint Armand na varanda de uma casa em Cem Soldos. Foto: Carlos Manuel Martins

Acampar no BONS SONS é sempre uma das opções mais populares. Os que têm passe geral têm acesso gratuito ao campismo, que abre portas às 10h00, no dia 7 de agosto. Ainda há outra opção para para aqueles que querem levar o campismo para outro nível: o Parque Sleep’em’All, com tendas montadas, eletricidade e balneários com água quente. Mais informações: http://www.bonssons.com/onde-ficar/

Os visitantes que se deslocam em caravanas têm ao seu dispor um parque específico para o efeito, com pontos de água potável para dar apoio à estadia.

E, claro, para aqueles que procuram ainda mais conforto nas suas visitas ao BONS SONS, existe uma grande quantidade de hotéis, residenciais, quintas, estalagens e parques de campismo.

Um ponto muito importante é que, no ano passado, o BONS SONS passou a ser um festival cashless, ou seja, não é feito nenhum pagamento com dinheiro vivo ou cartões multibanco dentro do recinto do festival. Tudo acontece através de uma pulseira.

BONS SONS 2017 – Inês Lamim no Parque de Campismo. Foto: Carlos Manuel Martins

Mal chegam ao festival, os visitantes apresentam os seus bilhetes e trocam-nos por uma pulseira RFID cashless. Carregam as suas pulseiras com o montante que desejam e, depois disso, é só comer, beber e dançar sem preocupações. É mais seguro e prático para todos.

Caso não seja usado o valor todo que está dentro da pulseira, a devolução pode ser pedida nos pontos de carregamento até às 5h da manhã de cada dia do festival. Esse mesmo valor também pode ser deixado como donativo para o desenvolvimento de iniciativas sociais e culturais da aldeia de Cem Soldos.

Dia 8 – Quinta-feira

14:00 — Carlos Batista MPAGDP


14:45 — Francisco Sales Carlos Paredes


15:30 — Mano a Mano Giacometti-INATEL


16:30 — Vénus Matina MPAGDP


17:30 — Raquel Ralha & Pedro Renato Giacometti-INATEL


18:30 — Senza Amália


20:00 — Orquestra Filarmónica Gafanhense Zeca Afonso


21:15 — Joana Espadinha + Benjamim António Variações


22:30 — Fogo Fogo Lopes-Graça


23:45 — X-Wife António Variações


01:00 — Diabo na Cruz Lopes-Graça


02:30 — DJ João Melgueira Aguardela



Programa dia 9:

14:00 — Cal MPAGDP


14:45 — Dada Garbeck Carlos Paredes


15:30 — Gator, the Alligator Giacometti-INATEL


16:30 — Adélia MPAGDP


17:30 — Sallim Giacometti-INATEL


18:30 — Afonso Cabral Amália


19:30 — Lodo + Peixe Zeca Afonso


21:00 — Helder Moutinho Lopes-Graça


22:15 — Paraguaii António Variações


23:30 — First Breath After Coma + Noiserv Zeca Afonso


00:45 — Budda Power Blues & Maria João Lopes-Graça


02:00 — Scúru Fitchádu António Variações


03:00 — DJ Narciso Aguardela



Programa dia 10

14:00 — Pequenas Espigas MPAGDP


14:45 — Valente Maio Carlos Paredes


15:30 — Jorge da Rocha Giacometti-INATEL


16:30 — Rezas, Benzeduras e Outras Cantigas MPAGDP


17:30 — Tiago Francisquinho Giacometti-INATEL


18:30 — Baleia Baleia Baleia António Variações


19:30 — Miramar Amália


20:45 — Três Tristes Tigres Zeca Afonso


22:00 — Stereossauro Lopes-Graça


23:15 — Pop Dell’Arte Zeca Afonso


00:30 — Tiago Bettencourt Lopes-Graça


01:45 — Glockenwise + JP Simões António Variações


02:45 — DJ Ride Aguardela


programa dia 11

14:00 — Vozes Tradicionais Femininas MPAGDP


14:45 — Ricardo Leitão Pedro Carlos Paredes


15:30 — Galo Cant’às Duas Giacometti-INATEL


16:30 — Telma MPAGDP


17:30 — Pedro Mafama Giacometti-INATEL


18:15 — Sopa de Pedra + Joana Gama Zeca Afonso


19:30 — Ricardo Toscano e João Paulo Esteves da Silva Amália


20:45 — Luísa Sobral Zeca Afonso


22:00 — Júlio Pereira Lopes-Graça


23:15 — Tape Junk António Variações


00:15 — Dino D’Santiago Lopes-Graça


01:30 — Sensible Soccers + Tiago Sami Pereira António Variações


02:30 — Moullinex Aguardela

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início