Santarém é terceiro distrito com mais mortes por afogamento este ano

Em Sociedade

O Observatório do Afogamento da Federação Portuguesa de Nadadores Salvadores (FEPONS) atualizou em 56 as mortes por afogamento em Portugal nos primeiros seis meses do ano de 2019. No distrito de Santarém, já morreram cinco pessoas por afogamento neste semestre.

Até à data, 98,2% das mortes por afogamento registaram-se em espaços aquáticos não vigiados, pelo que a campanha de prevenção “SOS Afogamento” da FEPONS reforça o conselho de se frequentarem espaços aquáticos vigiados e de consequentemente se seguirem os conselhos dos nadadores salvadores.

Comparativamente com 2018 regista-se uma importante descida de 12% nas mortes por afogamento, no 1.º semestre de 2019. Das vítimas 76,7% foram Homens e 58,1% tinham mais de 40 anos de idade; 51,2% ocorreram à tarde; 32,6% ocorreram em Rios / 25,6% em Mar / 23,3% em Poços; 0% ocorreram em zonas vigiadas; A causa mais registada foi queda à água; Em apenas 9,4% das ocorrências houve tentativa de salvamento; Distritos de Faro e de Lisboa com mais registos (14%), seguindo-se Santarém e Aveiro com 11%.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Sociedade

Ir para Início