Pulseira eletrónica para suspeito de agressões aos pais em Almeirim

Em Sociedade

O homem, de 31 anos, é suspeito de exercer violência física e psicológica sobre a mãe, de 53 anos, e o pai, de 61, deficiente motor, confinado a uma cadeira de rodas. Dado o perigo de continuidade dos crimes, na terça-feira, foi emitido um mandado de detenção.

O suspeito, já referenciado pela GNR de Santarém pela prática do mesmo tipo de crime, foi presente a tribunal no mesmo dia, tendo sido aplicadas várias medidas de coação, sendo a primeira a proibição de permanência na residência, proibição de contacto com as vítimas e proibição de circular na rua da morada de família. O suspeito será controlado através de pulseira eletrónica e tem de se sujeitar a tratamento de dependência de álcool e drogas.

Tanto o suspeito de violência doméstica como as vítimas residiam na mesma habitação, em Almeirim. O suspeito não tinha atividade profissional conhecida e tem um histórico de crimes relacionados com furto e tráfico de estupefacientes. Há dois anos, o indivíduo foi condenado a cumprir serviço comunitário, por violência doméstica sobre a companheira da altura.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*