fbpx

PS apresentou candidatos a deputados pelo distrito

Em Região

A apresentação da lista de candidatas e candidatos do PS pelo círculo eleitoral de Santarém às eleições legislativas 2019 teve lugar esta quarta-feira, em Santarém. Alexandra Leitão, a cabeça de lista do PS pelo distrito, apresentou uma “lista que promove os valores da igualdade de género e que é representativa a todos os níveis: dos diferentes concelhos da região, nas gerações representadas, nas profissões e perfis de quem a integram na linha da melhor tradição do PS”. 

A candidata afirmou que “na legislatura que agora termina, o Governo do PS mostrou que há uma alternativa à austeridade, repondo rendimentos às pessoas, investindo nos serviços públicos e apoiando as empresas. Criou-se mais e melhor emprego, valorizaram-se os funcionários públicos, aumentou-se a ação social escolar e distribuíram-se manuais gratuitos, abriram-se 100 novas Unidades de Saúde Familiar, reduziu-se drasticamente o valor dos passes sociais. E tudo isto com contas certas. Com o défice mais baixo da democracia. Com a reposição da confiança externa. Com investimento nos portugueses e num Estado mais justo, mais igual, mais inclusivo e mais solidário”.

Alexandra Leitão considera que “a nossa região, rica em diversidade, cultura e tradição, mas também em qualificação, empreendedorismo e motivação, teve melhorias significativas nestes últimos 4 anos: mais emprego; mais médicos de família; requalificação de infraestruturas, rodoviárias, escolares e hospitalares; mais apoios sociais com um aumento de seis milhões de euros; mais acordos de cooperação com mais pessoas abrangidas nas diversas valências”.

Alexandra Leitão sublinha, porém, que “o PS quer aumentar ainda mais o investimento na qualidade dos serviços públicos: Alargar a rede de cuidados de saúde, incluindo o aumento das valências e da qualidade no Hospital Distrital de Santarém e do Centro Hospitalar do Médio Tejo; Valorizar a Escola Pública e apoiar a execução da estratégia de recuperação das infraestruturas escolares da região; Implementar novo modelo territorial de proteção civil e emergência, articulado com autarquias, bombeiros; Aproximar os serviços públicos das populações (por exemplo, abertura de Lojas do Cidadão ou Espaços Cidadão)”.

O PS pretende “melhorar o ambiente e combater as alterações climáticas, valorizando as energias renováveis e apoiando a implementação de planos municipais e intermunicipais de combate às alterações climáticas, com especial atenção à valorização do rio Tejo, enquanto elemento essencial e definir da nossa região”.

Alexandra Leitão quer “promover a coesão e valorização territorial: Defender a criação de uma nova Unidade Territorial (NUT 2) que garanta a coesão regional; Estabelecer um programa de defesa dos recursos hídricos da região; Promover a valorização dos setores agroindustrial, agroflorestal,  vitivinícola e do enoturismo; Promover a implementação da Reforma da Floresta na região; Promover a criação de redes e rotas turísticas em especial o Turismo Religioso em Fátima e o Turismo da Natureza; Promover a valorização do património histórico e cultural da região.

O PS propõe-se “quer melhor mobilidade e transportes, através do programa de passes sociais com redução tarifária, alargar a rede de serviços de transportes públicos”. Propõe-se “defender a concretização dos projetos regionais integrados no Programa Nacional de Investimentos 2030: nova travessia do Tejo, reabilitação da Ponte Rainha D. Amélia, concretização do novo traçado da Linha do Norte entre Vale de Santarém e Vale de Figueira e requalificação da Linha do Norte até ao Entroncamento, ligação do IC 9 à A 1 em Fátima, conclusão do IC 3”.

O PS defende “mais crescimento demográfico e mais igualdade: através de um Programa de Promoção dos Territórios da região tendo em vista a atração e fixação de população; Melhorar a rede de creches e jardins de infância na região; Promover a adoção de programas de reabilitação urbana e de arrendamento de habitação a custos controlados; Promover a adoção de programas de criação de emprego e de formação profissional orientada e qualificação ao longo da vida; Continuar a apoiar o Ensino Superior na região e criação de residências de estudantes.

O PS vai ainda “apoiar a implementação da infraestrutura digital“.

Os candidatos do PS comprometem-se a “trabalhar e a baterem-se para captar mais investimento nacional e europeu para a região do Ribatejo para a tornar mais igual, mais desenvolvida, mais coesa, mais qualificada e mais moderna”.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Região

Ir para Início