Cartaxo alerta população para presença de vespa asiática no concelho

Em Região

A Câmara Municipal do Cartaxo emitiu um Aviso à população, que está a ser distribuído em todo o concelho, com informação sobre como identificar a vespa velutina e o que fazer no caso de ser detetada a sua presença.

Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da Câmara Municipal do Cartaxo apela a “quem detete ou suspeite de existência de ninhos ou de exemplares de vespa velutina, conhecida como vespa asiática, que reporte ao Serviço Municipal de Proteção Civil do Município (SMPC)”.

O autarca esclareceu que no concelho do Cartaxo foram identificadas duas situações. “Em Vale da Pedra foi detetado um ninho primário já abandonado pelas vespas, que foi retirado pelo Serviço Municipal de Proteção Civil. Na Lapa foram encontradas várias vespas asiáticas junto de colmeias, tendo sido recolhidas algumas amostras desta espécie, numa ação conjunta dos técnicos do município e do Serviço Especial de Proteção da Natureza da GNR. Neste caso o alerta foi dado por um apicultor. Procedeu-se à busca na área circundante, não tendo sido encontrado qualquer ninho”.

O presidente da Câmara referiu “é importante que entidades, juntas de freguesia e população se mantenham alerta. Os apicultores devem dar especial atenção às recomendações das autoridades. Esta é uma espécie mais agressiva do que a vespa europeia, no caso de sentirem os ninhos ameaçados, reagem de modo bastante agressivo, podendo realizar perseguições de algumas centenas de metros”.

“É muito importante que nenhuma pessoa entre em pânico ou provoque os ninhos. O aviso à população é preventivo, responde às duas questões que consideramos mais importantes para que cada pessoa saiba como agir – como identificar e o que fazer –, e informa sobre as entidades a contactar”, explicou o autarca.

Como identificar?

A vespa velutina também chamada de vespa asiática, é uma vespa de grandes dimensões (rainhas: corpo +/- 3 cm, obreiras: corpo +/- 2,5 cm). A cabeça é preta com face laranja/amarelada. Os ninhos têm uma forma redonda ou em pera com cerca de 1 metro de altura e 80 cm de diâmetro, em árvores com mais de 5 metros de altura. A entrada e saída dos ninhos é feita por um orifício lateral.

O que fazer?

Não deve, em qualquer circunstância, destruir o ninho, pois existe o risco de disseminar as vespas que constroem novos ninhos. Em caso de avistamento de algum ninho, deve comunicar de imediato para o portal www.sosvespa.pt, para a linha SOS Ambiente 808 200 520 ou para o Serviço Municipal de Proteção Civil do Município do Cartaxo através do 243 700 288

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Região

Ir para Início