Mais uma segunda-feira de greve nos registos e notariado

Em Sociedade

Dias 16, 23 e 30 de setembro continuam com paralisações marcadas nas conservatórias do país. O Sindicato Nacional dos Registos (SNR) fala em “sucesso sindical” no que diz respeito à adesão à greve nos três dias já cumpridos e apela aos trabalhadores “um esforço financeiro acrescido” para a continuação do braço de ferro. Agora que está aprovado pelo Governo o novo sistema salarial, o SNR diz continuar o “caos remuneratório” e mostra-se preocupado com as “enormes assimetrias salariais, dentro das mesmas quatro paredes”. Em comunicado, o sindicato explica que “só pretende que, dentro do Instituto dos Registos e Notariado, os trabalhadores das Conservatórias e restantes serviços, tenham finalmente, passados 18 anos, um salário equitativo e justo, conforme os demais, em que o trabalho igual deve ser remunerado de igual modo, em classes e categorias iguais.” Para além destes seis dias de greve, às segundas-feiras, desde 26 de agosto, o SNR já marcou também uma manifestação frente ao Palácio de Belém, em Lisboa, num apelo ao veto do presidente da República, alertando para aquilo que classifica como “injustiças dentro do Ministério da Justiça.”

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Sociedade

Ir para Início