Roteiro cultural para o fim de semana em Santarém

Em Ribatejo Cool

Sexta-feira:

Esta sexta-feira, dia 20 de setembro, às 18h30, tem lugar a apresentação do Livro “João D’Aldeia. Poeta do Vale de Santarém”, de Victor Pinto da Rocha, na Sala de Leitura Bernardo Santareno.

João Silva Nogueira (1879-1961) é um dos poetas ribatejanos quase esquecidos, ainda que com uma obra imensa publicada e dispersa pelos periódicos regionais de norte a sul do país e com três obras inéditas, coligidas pelo próprio autor ainda em vida.

Autodidata, exemplo marcante no panorama do telurismo e do lirismo português, João Nogueira desde muito cedo vai mergulhar no mundo do jornalismo (colaborador do jornal «O Mundo» do grande panfletário republicano França Borges e um dos mais lidos meios de comunicação da época), indo também, por essa altura, contactar com os maiores nomes da literatura portuguesa da época (começos do séc. XX) e também contactar com as obras maiores da nossa literatura.

Figura incontornável da poesia portuguesa na viragem do séc. XIX para o séc. XX,, atingindo o seu clímax poético nas décadas de 40 e 50-60 do último século, é da sua vida, da sua época e da sua obra que pretendemos fazer uma análise sucinta para melhor ajudar a valorizar uma parte muito especial da nossa memória coletiva.

Nascido em Lisboa, Victor Manoel Pinto da Rocha vai crescer e viver em Santarém até finais dos anos 50 quando ruma à capital para fazer os seus estudos superiores (Filologia Germânica) na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa, onde também faz o Curso de Ciências Pedagógicas. Complementa a sua formação académica com um Curso de Psicologia Aplicada à Educação’. Foi professor de Alemão e de Inglês no liceu local, tendo também lecionado e estado ligado à fundação do ISLA-Santarém como Diretor Pedagógico dos cursos de Secretariado e de Tradução obtendo, entretanto, o grau de Mestre em Estudos Americanos na Universidade Aberta.

Às 21h15, tem início a Caminhada e Corrida “Caminha connosco pela cidade”, que começa no Coreto do Jardim da República, num percurso de 6 Km de Caminhada e 10 Km de Corrida de estrada, organizada pelos pace.makers Running Club. Esta iniciativa está integrada na SEM – Semana Europeia da Mobilidade, promovida pela Câmara de Santarém.

Às 21h30 o Teatro Sá da Bandeira recebe o músico, compositor, produtor musical e multi-instrumentista, Tim Bernardes. Bilhetes à venda no TSB, BOL, Worten, FNAC e CTT.

Tim Bernardes é músico, compositor, produtor musical e multi-instrumentista. Já trabalhou com nomes como Tom Zé e David Byrne, entre outros. Com a sua banda, O Terno, tem três discos e um EP lançados, todos com composições da sua autoria. A solo estreou-se em Setembro de 2017 com “Recomeçar” que integrou as principais listas de melhores álbuns desse ano, incluindo a Rolling Stone que não só destacou o LP como também dois temas, consolidando Tim Bernardes como um dos grandes compositores brasileiros da sua geração. Fora do Brasil o trabalho também recebeu reconhecimento, com a nomeação para o Grammy Latino de 2018 na categoria de Melhor Álbum de Música Alternativa em Língua Portuguesa.@timbernardes , um músico considerado pelo público e pela crítica como “uma das novas revelações da nova música brasileira”.

Dias após atuar a solo no Estádio de Maracanã, Rio de Janeiro, na primeira parte de Los Hermanos, Tim Bernardes anuncia uma digressão a solo em Portugal para apresentar o seu aclamado álbum em nome próprio: “Recomeçar”. Lisboa, no CCB, Porto, na Casa da Música, Santarém, no Teatro Sá da Bandeira, Aveiro, no Teatro Aveirense, e Braga, no Theatro Circo, recebem os espetáculos entre 19 e 25 de Setembro. Os bilhetes estão disponíveis nos locais habituais.

Os bilhetes custam 15€ e encontram-se à venda no próprio TSB, on-line na BOL, na Worten, na FNAC e nos CTT.

Esta sexta-feira, prossegue a XII ExpoAlcanede/XVI Mostra Gastronómica, da Freguesia de Alcanede, promovida pela Junta de Freguesia de Alcanede, com o apoio do Município de Santarém, no Largo do Mercado quinzenal, em Alcanede. Esta é uma feira em que as empresas da região têm a oportunidade de expor os seus produtos, angariando clientes e mostrando o seu trabalho junto da comunidade. A mostra Gastronómica é efetuada pelas associações que participam com tasquinhas, bares e restaurantes.

Hoje, a animação das tasquinhas com Camisas Negras e baile com Nova Banda.

A ExpoAlcanede e a Mostra Gastronómica juntam no mesmo espaço empresas e associações dos mais diversos estilos.

Esta é uma feira onde empresas da região têm a oportunidade de expor os seus produtos, angariando clientes e mostrando o seu trabalho junto da comunidade onde se inserem. Por seu lado, na Mostra Gastronómica, as associações participam com tasquinhas, bares e restaurantes, assim como animação e/ou atuações das Bandas Filarmónicas e Ranchos Folclóricos da Freguesia.

sábado:

Este sábado, dia 21 de setembro, às 09h00, prosseguem as atividades da SEM – Semana Europeia da Mobilidade, promovidas pela Câmara de Santarém, com o TEJOAlive, que desafia os munícipes a viver o Tejo, num percurso que se realiza da Ribeira de Santarém às Caneiras, com partida marcada para as 9h00, na Ribeira de Santarém, junto ao Clube de Canoagem Scalabitano. As inscrições já estão encerradas.

Este ano a atividade TEJOAlive, além do percurso pedestre de 6,5km, contempla um TEJOAlive inAqua, onde é dada a possibilidade aos participantes de descerem o rio Tejo de canoa, da Ribeira de Santarém até Caneiras, acompanhados por monitores do Clube de Canoagem Scalabitano.

O percurso, que tem uma distância de 6,5 quilómetros, de dificuldade média, vai percorrer a margem direita do rio Tejo até ao limite geográfico do concelho de Santarém, em Caneiras. Ao longo do percurso, os participantes são acompanhados por investigadores, que potenciam o despertar para a Fauna e Flora do ecossistema ribeirinho, podendo usufruir de uma paisagem única e de um rio que identifica o Ribatejo.

Este ano, a atividade TEJOAlive, além o percurso pedestre, integra um TEJOAlive inAqua, onde é dada a possibilidade aos participantes de descer o rio Tejo de canoa, da Ribeira de Santarém até Caneiras, acompanhados por monitores do CCS. As inscrições no TEJOAlive inAqua são limitadas a 50 lugares.

A iniciativa termina pelas 13 horas, com um almoço convívio em Caneiras organizado pelo CCS. No final do almoço convívio, o Município assegura o transporte de regresso à Ribeira de Santarém.

A organização é da Câmara Municipal de Santarém e tem a parceria de Clube de Canoagem Scalabitano, Viver Santarém EM SA e União de Freguesias da Cidade de Santarém.

O TejoAlive tem como parceiros: o TAGIS – Centro de Conservação das Borboletas de Portugal TAGIS, a União de Freguesias da Cidade de Santarém, o Clube de Canoagem Scalabitano, o MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, a ESAS – Escola Superioe de Educação de Santarém do IPS – Instituto Politécnico de Santarém, o MUNHAC – Museu Nacional de História Natural e da Ciência, José Freitas, os Bombeiros Sapadores de Santarém e a Empresa Viver Santarém.

Às 11h00, a Aula de Yoga, tem lugar na Associação da AMA – Associação Movimento Aberto (tendo em conta a previsão do estado do tempo para o dia 21, a aula de Yoga passa para a sede da AMA, situada no Campo Infante da Câmara. Esta iniciativa está integrada no In.Santarém 2019 – Festival de Artes e Cultura.

Às 10h00, igualmente integrada na SEM – Semana Europeia da Mobilidade, tem início a Caminhada “Caminha connosco pela freguesia”, que começa no Mercado diário da Póvoa da Isenta, com percurso de Caminha de 6 Km e 10 Km de bicicleta. Esta iniciativa é organizada pela Junta de Freguesia da Póvoa da Isenta e pela Associação SARTIM (Paintball Clube).

Pelas 16h00, integrada na SEM – Semana Europeia da Mobilidade há Caminhada de 6 Km – Caminha connosco pela freguesia, com início na Sede da União das Freguesias de Romeira e Várzea em Outeiro da Várzea, organizada pela União de Freguesias da Romeira e Várzea.

A partir das 20h00, a Casa do Campino, recebe a primeira edição da Cartaxo Sessions In.Santarém: Portas do Sol Sessions. O evento conta com quatro bandas em palco: os alemães Electric Moon são a principal atração deste Festival, que conta ainda com os portugueses 10 000 Russos e Talea Jacta, vindos do Porto, e os conterrâneos Conjunto!Evite, banda formada em Rio Maior, que inclui entre os músicos, dois filhos de Tim, cantor e baixista dos Xutos & Pontapés. Esta iniciativa está integrada no In.Santarém 2019 – Festival de Artes e Cultura.

Para além da música, no local vai ainda funcionar um pequeno mercado com bancas de vendas de discos, trabalhos de ilustradores ou artigos das bandas participantes e o merchandising da própria organização. As entradas são gratuitas.

A partir das 21h30, participe no “Baile das Garças”, que tem lugar no Convento de S. Francisco, integrado nas Jornadas Europeias do Património Cultural 2019 – Temática: Artes Património Lazer. Entrada livre. Num cenário especialmente dedicado a esta bela e delicada ave, este baile de máscaras exige roupa branca e mascarilha confecionada com muita criatividade.

À música ao vivo, a cargo do “Trio PETIT GATÔ”, juntam-se palavras poéticas, fotografias da avifauna do município e revelações científicas sobre esta ave aquática tão presente na Lezíria do Tejo.

Este sábado, prossegue a XII ExpoAlcanede/XVI Mostra Gastronómica, da Freguesia de Alcanede, promovida pela Junta de Freguesia de Alcanede, com o apoio do Município de Santarém, no Largo do Mercado quinzenal, em Alcanede. Esta é uma feira em que as empresas da região têm a oportunidade de expor os seus produtos, angariando clientes e mostrando o seu trabalho junto da comunidade. A mostra Gastronómica é efetuada pelas associações que participam com tasquinhas, bares e restaurantes.

A animação está a cargo da Bandinha do Castelo e às 22h00 atua o Rancho Folclórico de Viegas, seguindo-se o baile com Os Lords.

domingo:

Este domingo, dia 22 de setembro, a SEM – Semana Europeia da Mobilidade termina o programa das atividades com a iniciativa do Dia Europeu Sem Carros. Para assinalar este dia, a Praça do Município fica limitada ao tráfego automóvel, das 8h00 às 18h00.

Às 08h30 tem início a Caminhada “Caminha connosco pela freguesia”, que começa no Cortiçal, num percurso de 10 Km.

À mesma hora há Caminhada “Caminha connosco pela freguesia”, com início no Villa Campus, S. Vicente do Paúl, num percurso de 9,5 Km. Esta iniciativa é organizada pela VILLA CAMPUS, Atividades Radicais, Comissão Social de Freguesias de S. Vicente do Paúl e Vale de Figueira e DECATLHON.

Às 9h30, na Praça Sá da Bandeira (Largo do Seminário), decorre mais um “Pedala Connosco”. orientado pelos Tradições BTT Team.

Às 09h00 tem início a Caminhada “Caminha connosco pela freguesia”, com partida da Praça 20 de janeiro, junto ao Centro Cultural e Recreativo Arneirense, numa Caminhada de 6 Km, numa organização da Junta de Freguesia do Arneiro das Milhariças e do Centro Cultural e Recreativo Arneirense.

Este domingo, prossegue a XII ExpoAlcanede/XVI Mostra Gastronómica, da Freguesia de Alcanede, promovida pela Junta de Freguesia de Alcanede, com o apoio do Município de Santarém, no Largo do Mercado quinzenal, em Alcanede. Esta é uma feira em que as empresas da região têm a oportunidade de expor os seus produtos, angariando clientes e mostrando o seu trabalho junto da comunidade. A mostra Gastronómica é efetuada pelas associações que participam com tasquinhas, bares e restaurantes.

No último dia da ExpoAlcanede 2019, pelas 16h00 realizam-se os concertos das Bandas Filarmónicas de Alcanede e Xartinho e à noite, há baile com Madeira Show.

A ExpoAlcanede e a Mostra Gastronómica juntam no mesmo espaço empresas e associações dos mais diversos estilos.

Esta é uma feira onde empresas da região têm a oportunidade de expor os seus produtos, angariando clientes e mostrando o seu trabalho junto da comunidade onde se inserem. Por seu lado, na Mostra Gastronómica, as associações participam com tasquinhas, bares e restaurantes, assim como animação e/ou atuações das Bandas Filarmónicas e Ranchos Folclóricos da Freguesia.

A decorrer:

Até dia 21 de setembro visite a Exposição Cartografia Sentimental, no Palácio Landal.

Exposição Cartografia Sentimental é um projeto expositivo híbrido, que explorará a relação das pessoas com a cidade, nomeadamente, com a zona histórica, criando tangentes a questões como a Topofilia, das cidades que se modificam todos os dias e de como transformamos espaços em lugares.

Até dia 21 de setembro, visite a Exposição “Até onde o olhar alcance” – exposição de fotografias, no Jardim Portas do Sol.

A mostra reúne imagens e olhares de cinco fotógrafos amadores, Ana Paula Sousa Simões, Luís Perdigão, Mário Lavrador, Rita Valério e Susana Esquível e é organizada por Paulo Semblante da In.Focus, no âmbito do projeto municipal Santarém Cultural/ In.Santarém 2019- Festival de Artes e Cultura.

Estes fotógrafos partilham, neste espaço, um dos ex-libris da cidade de Santarém, o mesmo elemento paisagístico, tão bem presente em seu redor…o horizonte.

Em todas as imagens expostas está patente o conceito fotográfico da profundidade de campo. Esta de maior ou menor grau, é auxiliada por linhas imagéticas que em perspetiva redirecionam e conduzem o olhar para um ponto e elemento principal desta mostra, acima referido, e quase sempre presente na fotografia de paisagem.

Com esta mostra deixar-se levar….até onde o seu olhar alcance!

Até dia 30 de setembro, visite a Exposição de Pintura “Paisagens” de Francisco Pereira, na Sociedade Recreativa Operária – Palácio Landal. A Mostra pode ser visitada de segunda-feira a sábado, das 10h00 às 13h00 e das 15h00 às 19h00.

“…paisagens são volumes, cores, odores, são no fundo tudo o que nos rodeia e impressiona, o que nos transmite emoções e sentimentos. É neste contexto que o espetador observa, independentemente da leitura pessoal e única. …e assim nasceram as “minhas paisagens” (talvez) fruto de memórias recentes…porque a pintura é uma forma de sentir!”

Francisco Luis Marques Rosa pereira, nasceu em Lisboa em 21 de junho de 1957, artista plástico, autodidata, desenvolveu a sua atividade artística a par de atividades de pintura com crianças em Sintra e Castro verde.

Participante habitual no verão In.Santarém desde 2015, é ainda membro organizador do Pictorin-Encontro Internacional de Artistas Plásticos em Santarém, e do projeto “Pintar na rua/Brincar com arte” que se realiza anualmente com crianças nesta cidade de Santarém.

Membro da “Culthouse”-Londres-Inglaterra, participou em várias exposições individuais e coletivas. Individual, “pintura”, Castro Verde, 2000; Individual “Underground”, Évora 2009; individual, “mais do que um olhar”, Santarém, 2014, etc.

Coletivas, 2015, 2016, 2017 e 2018 em Santarém.

Tem obras espalhadas um pouco por todo o País, adquiridas por particulares.

Contatos: marquespereira54@sapo.pt | TLM: 91 183 65 40

Até dia 30 de setembro, visite a Mostra Bibliográfica “As Artes”, na Biblioteca Municipal Braamcamp Freire. Patente de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

Comemoramos no mês de setembro mais uma edição da Jornadas Europeias do Património 2019, enquadradas no tema “Artes Património Lazer”.

A Biblioteca Municipal associa-se às comemorações com uma exposição bibliográfica alusiva às “Artes”, uma parte da cultura que atrai e envolve a sociedade civil e que nos permite a todos viver e experienciar outras dimensões da vida quotidiana.

Até dia 30 de setembro, visite a Exposição Bibliográfica Vamos ler… José Augusto França”, na Sala de Leitura Bernardo Santareno, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00 e aos sábados, das 09h30 às 12h30.

José Augusto França, considerado o nome maior da historiografia da Arte em Portugal, natural da cidade de Tomar, manifestou o seu interesse pela pintura em 1946. Foi uma das figuras mais influentes e dinâmicas da vida cultural portuguesa no período entre 1940 e 1950.

No registo dos seus 96 anos prestamos a merecida homenagem a tão prestigiado e nobre crítico de Arte, um autor que nunca será esquecido.

Ate dia 31 de outubro, visite a Mostra Documental “Falam documentos de outras eras”, na Biblioteca Municipal Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

Registo da carta de nomia-|ção de Professora de ensino| de Meninas nesta Vila D. Maria do Patrocinio de| Lemos e Aragão.

Dona Maria por Graça de Deos, e pela Consti-|tuição da Monarquia, Rainha de Portugal, e Algar-|ves e seus domínios = Faço Saber aos que esta mi- |nha Carta virem Que Hei por bem, confirman-|do-me com a Proposta do Concelho Geral Derector do ensino Primario e Secundario, Fazer | Mercê de Nomiar para Mestre Proprietaria | e Vitalicia da Escola de Educação de Meninas| da Vila de Santarem (…). Pelo que orde-|no ao Administrador Gera d’aquele Distri-|cto de Santarem, que sendo-lhe presente| esta Carta selada com o Selo da Cauza Pu-|blica defira o competente juramento á| dita Dona Maria do Patrocinio de| Lemos e Aragão, ou quem para eSse acto|estiver munido de Ligitima procuração, | e lhe faça dar poSse do seu Cargo pelo Adme-|nistrador do respectivo Concelho, deixando-lhe servir| e executar, na conformidade da Lei de 19-08-1837.

(Estabelece o regimento da recolha da Décima e impostos anexos).

Carta referendada pelo ministro e secretario de Estado dos Negócios do Reino, e selada com o selo das armas reais. Paço das Necessidades, 24 de outubro de mil oitocentos e quarenta. Assinam, a rainha e Rodrigo Fonseca Magalhães.

Em consequência da expulsão dos Jesuítas, que possuíam o exclusivo do ensino escolar e desatualizado, Portugal foi detentor de várias reformas, entre elas, as do ensino. Levadas a cabo pelo então ministro de D. José I (Sebastião José de Carvalho e Melo/Marquês de Pombal). Porém, como forma de sustentabilidade do pagamento das remunerações dos professores, foi criado o Subsídio Literário, pelo Alvará de 28 de junho 1759. Mantendo-se por longo tempo. Manda a rainha D. Maria II, pela Secretaria de Estado dos Negócios da Fazenda, que o tesouro Público Nacional satisfaça com brevidade as seguintes questões: qual o rendimento efetivo do rendimento da Décima; das Terças e do Subsidio Literário, dos Concelhos do Continente e das Ilhas dos Açores e Madeira. Paço das Necessidade, 18 de fevereiro de 1837. Assina, José da Silva Passos.

Até 24 de dezembro, visite a Exposição ‘Urbanidade – 150 anos de Elevação de Santarém a Cidade (1868-2018)’, em várias ruas, praças e largos de Santarém. A mostra pode ser vista em diferentes pontos do planalto, onde várias telas apresentam a evolução da terra através de imagens acompanhadas por pequenos textos explicativos. A exposição divide-se em duas partes, a segunda encontra-se na Casa do Brasil – Casa Pedro Álvares Cabral, onde a cerca de 300 fotos se juntam objetos e filmes que mostram as principais conquistas da jovem cidade, desde a cultura e do desporto, educação e saúde, ao abastecimento e saneamento público, dos transportes e comunicações, até ao urbanismo, dos espaços verdes ou aos quarteis militares.

Em permanência:

Visite o Núcleo Museológico do Tempo – Torre das Cabaças, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, sob marcação através do telefone: 243 377 290 ou 912 578 970.

No Núcleo Museológico do Tempo encontra-se em exposição temporária um relógio de mesa, do início do século XX, em terracota policromada, representando duas crianças. Este relógio é proveniente da coleção de relojoaria do Museu Municipal de Santarém e está patente até 31 de agosto de 2019.

Sujeito a marcação através dos contatos: tel. 243 377 290 / 912 578 970

Visite o Centro de Interpretação Urbi Scallabis – USCI, no Jardim Portas do Sol, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h15 e das 14h00 às 17h15. Contato: tel.- 243 357 288.

Instalado no Jardim Portas do Sol, o Centro de Interpretação Urbi Scallabis concilia, de forma harmoniosa, a dimensão turística e a vertente científica, fruto de um aprofundado trabalho de estudo e investigação.

A área expositiva oferece uma fácil abordagem no domínio inovador da interatividade, que lhe permite, à distância de um toque digital, identificar e localizar o valor do património arquitetónico, a riqueza da tumulária, a abundância da heráldica e a qualidade da azulejaria que a cidade ostenta e que, muitas vezes, os escalabitanos e os turistas desconhecem.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início