fbpx

Comes & bebes – O Festival

Em Ribatejo Cool

O Festival é o único Nacional de Gastronomia criado e realizado em Santarém, entrando este ano na sua trigésima nona edição. Desde do dia 25 de Outubro a 03 de Novembro, gordos e magros, altos e baixos, glutões e amigos das dietas, gente de toda a condição e credos, todos, podem degustar comidas e bebidas na Casa do Campino, ou seja representações tradicionais e da modernidade contemporânea da cozinha portuguesa.

Nesta edição, o visitante habitual deparará com novidades e por serem nada antecipo, no entanto, as referidas novidades serão o mote enunciador de um vasto programa a decorrer durante o próximo ano na cidade de Santarém, tal programa é o princípio da consagração da vetusta urbe escalabitana como sítio, local, burgo, vila das Vilas, cidade consagrada à exaltação da nona Arte – a Gastronomia englobante das várias cozinhas regionais e sub-regionais de matriz portuguesa.

O leitor pode pensar no velho ditado – tem mais olhos que barriga –, porém os olhos vêm as existências patrimoniais (activos), verificam a excelente qualidade dos nossos produtos e verificam quão grandes são as virtudes das nossas Mestras cozinheiras, chefes e cozinheiros de grande categoria.

O Festival precisa de um grande revigoramento, não uma operação de cosmética, sim o continuar a defender e promover a matricialidade da nossa cozinha da ancestralidade a par e passo com as expressões culinárias da inovação, estes desígnios forem explanados pelo Presidente da Câmara, Dr. Ricardo Gonçalves, no decurso da cerimónia de apresentação da edição do ano em curso ocorrida na magnífica e funcional Casa da Quinta da Ribeirinha na Póvoa de Santarém. O anfitrião, o médico Doutor Morgado Cândido no início do almoço teceu considerações acerca das virtudes e malefícios do vinho, reiterando o escrito nos relatórios científicos – o vinho é uma bebida saudável, proporciona bem-estar e saúde, desde que bebida moderadamente – porque tudo o que é demasiado é moléstia. O almoço foi da lavra do Chefe Rodrigo Castelo, um estudioso e inovador da cozinha ribatejana e nacional.

Beberam-se tranquilos e um borbulhento, produzidos e engarrafados debaixo da designação Quinta de Vale de Lobos, à qual o Doutor Morgado Cândido dedica paixão e redobrados esforços diariamente, incluindo domingos e feriados. Assim mesmo!

Armando Fernandes

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início