Rodrigo Leão encheu o Teatro Sá da Bandeira duas vezes este sábado

Em Ribatejo Cool

“O Método” foi o concerto apresentado por Rodrigo Leão em dose dupla, este sábado, 21 de dezembro, no Teatro Sá da Bandeira.

Dois espetáculos memoráveis, ambos com lotação esgotada, em que Rodrigo Leão apresentou temas que marcaram o seu percurso musical e canções do novo repertório tais como o seu mais recente single “A Bailarina” do novo álbum de Rodrigo Leão, “O Método”, que terá edição global a 21 de fevereiro de 2020.

Com a voz da sua filha mais nova, Sofia, e a colaboração coral da Academia Musical dos Amigos das Crianças (AMAC), “A Bailarina” é também o primeiro vídeo do álbum, animado pelo coletivo criativo Oskar & Gaspar, a partir de desenhos originais de Rodrigo Leão.

Rodrigo Leão assinalou em 2018 os 25 anos de uma muito bem-sucedida carreira. Dono de uma das mais interessantes discografias do nosso país, o músico e compositor tem conhecido o sucesso dentro e fora de portas. A sua música já viajou por todo o mundo tendo recebido aplausos nas mais distintas latitudes: por toda a Europa, mas também no Extremo Oriente ou na América.

Com a promessa de surpreender, uma vez mais o público, Rodrigo Leão, assim o fez. Quem assistiu a este magnífico concerto ficou encantado com toda a sonoridade e envolvência musical…

«Ao vivo quero apresentar esta música em quinteto, comigo, com o João Eleutério, o Carlos Toni Gomes, a Viviane e a cantora Ângela Silva», elucida o compositor. O espetáculo conta ainda com uma forte componente visual em que as ideias de transcendência, inocência e pureza serão exploradas através de evocativas imagens. «Quero encantar as pessoas, revelar-lhes aquilo em que penso e com que sonho, transportá-las para o meu mundo.» O concerto antecipa, portanto, um novo projeto, remetendo para o palco o que nasce primeiro na cabeça do compositor e que depois é fixado em estúdio. «Mas o palco», garante Rodrigo Leão, «é mesmo o destino final de todo este trabalho, é aí que ele se resolve, frente a frente com as pessoas que depois o interpretam à sua própria maneira».

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início