Restaurante Paco, Lisboa

Em Ribatejo Cool

Em 1943 o galego Paco instalou-se na Avenida de Berna em frente ao ainda não aparecido edifício da Fundação Gulbenkian. Em 1955 criou-se a Fundação, instalou-se no parque de Santa Gertrudes e desde logo o pessoal principiou a frequentar a cafetaria-pastelaria, e a cervejaria-restaurante do Senhor Francisco, que ainda conheci.

O restaurante sofreu há pouco tempo obras de beneficiação, ganhou maior semblante de restaurante, o ambiente ruidoso envolvendo tremoções, sapateiras e cerveja a copo é mais contido, os fumos desapareceram, até a velha lampreia a colar as ventosas ao vidro do aquário passou à condição de reformada. Desde há muito que vou almoçar ao Paco cabeça de garoupa de largo colarinho com todos. Assim aconteceu na semana passada. Antes, de na companhia de dois amigos, enfrentarmos a cabeçorra da garoupa, os ovos cozidos e os vegetais regozijei-me com suculentos rissóis de camarão acabados de tender e de fritar. Gulosos os pastéis e os bem urdidos croquetes de carne de vaca.

A garoupa de avantajado porte primava pela boa cozedura, recebeu a devida réplica de tal forma briosa que ninguém se atreveu a solicitar sobremesa. Bebeu com prazer o tinto duriense Papa-Figos.

Serviço familiar, atento e bem-humorado.

Armando Fernandes

Aceita cartões de crédito. Estacionamento: parque pago nas imediações. Avenida de Berna/Praça de Espanha. Telefone 217971653. Lisboa

Leave a Reply