fbpx

PJ prende foragido que roubou e matou idosa há 6 anos em Abrantes

Em Sociedade

A Polícia Judiciária de Leiria acompanhou a extradição de um suspeito, fortemente indiciado pela autoria de um roubo agravado, que vitimou duas mulheres, uma das quais viria a falecer em consequência das lesões sofridas, em 2013 no concelho de Abrantes. A extradição foi concretizada através de inquérito dirigido pelo DIAP – departamento de Investigação e Ação Penal de Santarém, e realizou-se no dia 27 de dezembro.

Os crimes imputados ao suspeito ocorreram no dia 20 de maio de 2013, pelas 01h50, numa residência em Chainça, concelho de Abrantes, através do arrombamento das portas da habitação. As vítimas, duas irmãs, tinham à data 89 e 83 anos de idade.

As diligências de investigação desenvolvidas, envolvendo meios periciais científicos, permitiram identificar o presumível autor dos crimes.

Contudo, o suspeito fugiu do território nacional, antes de ser identificado e intercetado pela investigação, pelo que foi emitido Mandado de Detenção Europeu.

No final do passado mês de novembro, mais de 6 anos após a ocorrência dos factos, o suspeito foi localizado, pelas autoridades policiais francesas em estreita articulação com a Policia Judiciária, em Marselha, cidade onde estava a residir após ter passado por vários locais de França, no decorrer da fuga.

Do roubo resultou na subtração de 140,00 euros em numerário e de quatro pequenos objetos em ouro.

O detido, de 58 anos de idade, foi presente ao tribunal de turno da Comarca de Santarém, sendo-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Sociedade

Ir para Início