Roteiro cultural para o fim de semana em Santarém

Em Ribatejo Cool

Sábado:

No sábado, dia 11 de janeiro, às 08h30 tem início a prova de canoagem 2.ª Descida dos Reis, com concentração dos participantes no Centro Náutico da Ribeira de Santarém e deslocação para a Foz do Alviela (Vale de Figueira), em viatura própria.

Às 12h30 é a Hora prevista da chegada à Ribeira de Santarém e às 13h30, tem início o Almoço convívio no Centro Náutico.

Preço:  Sócio: 6€ | Não sócio: 12,50€

Horário: das 08h30 às 12h30

Podem participar todos os atletas e sócios do Clube de Canoagem Scalabitano bem como toda a população em geral.

Caso as condições climatéricas ou caudal do rio sejam desfavoráveis à realização do evento, em condições de segurança, a entidade organizadora, pode cancelar a sua realização ou transferir para outra data ou iniciar o percurso mais à frente.

O Clube de Canoagem garante embarcação com colete, pagaia, enquadramento técnico, seguro de acidentes pessoais, banho, uma peça de fruta e garrafa de água, almoço no final, composto por sopa da pedra, grelhados de carne, pão, fruta, bebida, batatas fritas e café.

Uma vez que as viaturas dos participantes vão ficar no local de início da atividade, o clube de canoagem, proporciona transporte, aos condutores, para irem buscar as respetivas viaturas.

Menores com idade inferior a 12 anos, só acompanhados de pais, dos 12 aos 18 só acompanhados de adulto responsável.

Os participantes devem vir com roupa adequada à época do ano, preferencialmente fato de neopreno, à falta deste, roupa de licra, corta vento, gorro e calçado que possa ser molhado.

Às 21h00, tem lugar a Caminhada por Santarém, com início no Convento de S. Francisco.

O Projeto “Caminhadas por Santarém” é uma atividade gratuita mensal, que convida e incentiva a população para a prática de exercício físico e para a criação de hábitos de vida saudáveis. Para além destas caminhadas promoverem a saúde e o bem-estar dos seus participantes, proporcionam ainda momentos de convívio e o contacto com o património natural e histórico da cidade de Santarém.

Os interessados em participar devem comparecer no Convento de S. Francisco, às 20h45. Não é necessário fazer inscrição. Gratuito.

Às 21h30, o Teatro Sá da Bandeira recebe Simplex, uma Ópera Cómica Multimédia. Bilhetes à venda no TSB, BOL, Worten, FNAC e CTT.

Sinopse:
“Repórter Geneviève chega a Vila Velha do Pinheiro a meio do discurso fúnebre do presidente da junta, Amadeu Sobral – uma homenagem a uma personalidade local. A repórter aborda o presidente sobre os métodos revolucionários da junta – simplex. O autarca explica as virtualidades implantadas por ele, tão avançadas em termos tecnológicos para tão recôndita vila portuguesa. Tudo se deve à vinda de BJ, um americano que se rendeu aos encantos da serra e é adviser do presidente em todo o género de start-ups rurais e quejandos. O presidente convida a jornalista a conhecer a terra e os planos da autarquia. Geneviève vai-se rendendo aos encantos de V. V. do Pinheiro e a outros, que o coração não é de pedra. Telefonemas inoportunos, televisões avariadas, Cupidos confluem para uma cerimónia final. Viva o amor, viva o avanço tecnológico, viva Vila Velha do Pinheiro!”

Ficha Técnica:
Produção Quarteto Contratempus 2019 | Libreto: Carlos Tê e José Topa | Composição: Telmo Marques | Encenação: António Durães | Intérpretes: Teresa Nunes (soprano), Miguel Leitão (tenor), Crispim Luz (clarinetista), Sérgio de A (pianista), Susana Lima (violoncelista)

Coprodução – Câmara Municipal do Porto | Apoio – Academia de Música de Viana do Castelo, Antena 2, Misericórdia do Porto, Riopele, Supermercado Jaju, Tintex Textiles, UPTEC

Música | Classificação Etária M/6 | Duração 01h05 | Preço 10€ (preço único)

Domingo:

Este domingo, dia 12 de janeiro, a partir das 09h00, o Complexo Aquático Municipal recebe uma prova nacional de apuramento de Natação Artística para os Campeonatos Nacionais, organizada pela Associação Nacional de Natação de Santarém. Esta prova, que recebe nadadores desta modalidade, oriundos de diferentes clubes do país é composta por diferentes habilidades, nomeadamente, Natação Pura, Ginástica, Figuras e Esquemas.

A decorrer:

Até dia 31 de março, visite a Coleção de arte contemporânea “Manuela de Azevedo”, na Biblioteca Municipal Braamcamp Freire. Patente de segunda a sexta-feira das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

Na Casa-Museu Anselmo Braamcamp Freire encontra-se em exposição parte do espólio artístico da jornalista Manuela Ferreira de Azevedo, doado à Câmara Municipal de Santarém no final da década de 80, espólio esse que contempla reconhecidos artistas nacionais e internacionais.

De 1 de Janeiro até ao final de março está em destaque trimestral uma obra da autoria de Francisco d’ Almada: “Casario”, Serigrafia a cores s/ papel, datada de 1983.

Até dia 15 de janeiro, visite a Exposição ”Quem é Quem?”, na Sala de Leitura Bernardo Santareno. Patente de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00 e sábados 09h30 às 12h30.

A exposição “Quem é Quem?” integra trabalhos realizados no âmbito da Oficina de Expressão Plástica, formação modular certificada enquadrada na educação e formação de adultos promovida pela Escola Profissional do Vale do Tejo, SA, em Santarém.

Esta exposição visa ilustrar o olhar dos formandos sobre registos de imagens, a sua sensibilidade estética e artística, e valorizar outras formas de arte, construídas com recurso às técnicas de recorte, decalcagem, colagem e a diversos materiais.

Os intérpretes e autores destes trabalhos bidimensionais, com idades compreendidas entre os 26 e 60 anos, mostram-nos como se pode reutilizar papel de revista e explorar processos de criação, desenvolvendo a nossa expressividade.

Até dia 31 de janeiro visite a Mostra Documental “Falam documentos de outras eras”, na Biblioteca Municipal Braamcamp Freire. Patente de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

=Capellas da Coroa=

Treslado da ordem Seguinte e PoSses| Ordens| Azinhaga =Capellas da Coroa=|Do Serviço de Sua Magestade| Do Provedor da comarca de San|tarem para tomar poSe para| A Real Coroa dos bens da ca|pella que na Azinhaga ins|tituio Martim Annes Rebo|ça e Margarida Thereza e|proceder nos bens e Rendimen|tos do mesmo Sequestro| como pella Se declara| Donna Mariade Portugal e| dos Algarves daquém eda|lem mar em Africa Senhora| da Guine eda conquista da| Navegação Comercio da Ethio|pia Arabia Persia eda India| Faço A Vos Procurador da comarca|de Santarem Fa|ço Saber em como enesta| minha corte muito nobre| e Sempre Leal cidade de Lis| boa e juízo das Capellas| da minha Real Coroa passam| permim emeo Desembarga| dor juiz das capellas da Re|ferida minha Real coroa| E sobreas capellas institui|das por Martim Annes Reboça e Margarida Thereza na Azinhaga E por Pedro| Escuro Em Sanatrem E recebo| Auto Sobre Em Rezão do| conteúdo E declarado com| instituidor e autos […]. Anno do NaS|cimento do Nosso Senhor Jesus Cristo de mil Setecen|tos enoventa edois annos aos vinte e dous de Dezem|bro nesta cidade de Lisboa nomeo| Escritorio|| […]. E da Albergaria que Pedro Escu|ro instituio em Santarem| afim de seSe Conhecer sur|dão legitimamente| […]. Os Administradores Ana Fran|cisca de Almeida| conforme hum Alvara de Supervi|vencia por vinte anos em| vinte e três de Julho demil| sete centos eSincoenta| equatro| […]. Pedro Escuro fez| Sequestro a Requerimento| do Procurador do Juizo nos| bens della por falecimento| de Guardião José da Cama|ra Escudinho|. O Despacho| do theor Seguinte= Pase ordem depose da| Capella de Martim Annes| Raboça EMargarida The|reza Ede Sequestro noHos|pital de Pedro Escuro […]1.

1: ACSTR (Administração do Concelho de Santarém). Livro de Registo de Legados Pios, Bens de Capelas e Autos de Contas.  Fólios 1-4. (1792-1793). (AHCMSTR).  

Até dia 31 de janeiro visite a Mostra Bibliográfica “Dia Mundial da Paz – 01 de janeiro”, na Biblioteca Municipal Braamcamp Freire. Patente de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

O Dia Mundial da Paz, celebrado no primeiro dia de janeiro, é uma celebração criada em 1967 pelo Papa Paulo VI que visa e pretende alertar os homens, as mulheres, os governos e todos os responsáveis estatais para a implementação da PAZ NO MUNDO.

Até dia 31 de janeiro, visite a Exposição Bibliográfica “Vamos ler… Ary dos Santos”, na Sala de Leitura Bernardo Santareno. Patente de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00 e sábados 09h30 às 12h30.

José Carlos Pereira Ary dos Santos faleceu em Lisboa, a 18 de janeiro de 1984, com 46 anos. Natural de Lisboa e de uma família da alta burguesia, Ary dos Santos o poeta do povo como é reconhecido, marcou o mundo dos cantores portugueses que interpretam os seus poemas, cujas letras se mantêm atualizadas à luz da sociedade de hoje.

Deixou-nos uma vasta obra na área da Poesia com muitos sucessos que viriam a projetá-lo, nomeadamente no Festival RTP da Canção, onde os seus poemas viriam a ser cantados por grandes vozes do mundo da canção portuguesa.

Relembramos e homenageamos Ary dos Santos no seu Aniversário de Morte – 18 de janeiro.

Até dia 30 de abril de 2020, visite a Exposição Colégio Andaluz, um símbolo escalabitano”, no Centro de Recursos da Escola Superior de Educação de Santarém.

“No Instituto Politécnico de Santarém, a exposição “Colégio Andaluz, um símbolo escalabitano” revela a história do Colégio Andaluz, uma das mais conhecidas obras de Luiza Andaluz e um dos melhores colégios europeus dos anos sessenta. A exposição localiza-se no Centro de Recursos da Escola Superior de Educação e vai estar patente durante o ano letivo 2019/20, no âmbito das comemorações do 40º aniversário da Escola”.

Em permanência:

Visite o Núcleo Museológico do Tempo – Torre das Cabaças, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, sob marcação através do telefone: 243 377 290 ou 912 578 970.

No Núcleo Museológico do Tempo encontra-se em exposição temporária um relógio de mesa, do início do século XX, em terracota policromada, representando duas crianças. Este relógio é proveniente da coleção de relojoaria do Museu Municipal de Santarém e está patente até 31 de agosto de 2019.

Sujeito a marcação através dos contatos: tel. 243 377 290 / 912 578 970

Visite o Centro de Interpretação Urbi Scallabis – USCI, no Jardim Portas do Sol, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h15 e das 14h00 às 17h15. Contato: tel.- 243 357 288.

Instalado no Jardim Portas do Sol, o Centro de Interpretação Urbi Scallabis concilia, de forma harmoniosa, a dimensão turística e a vertente científica, fruto de um aprofundado trabalho de estudo e investigação.

A área expositiva oferece uma fácil abordagem no domínio inovador da interatividade, que lhe permite, à distância de um toque digital, identificar e localizar o valor do património arquitetónico, a riqueza da tumulária, a abundância da heráldica e a qualidade da azulejaria que a cidade ostenta e que, muitas vezes, os escalabitanos e os turistas desconhecem.

Deixar uma resposta

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início
%d bloggers like this: