fbpx

Santarém recebeu há 100 anos a “Ordem de Torre e Espada”

Em Região

“Sob o signo da Ordem da Torre e Espada, como era Santarém em 1920; como poderá ser na presente década, à luz do 25 de Abril?” este o tema da palestra e debate a realizar na sede do Partido Socialista em Santarém, em São Domingos, sexta-feira, às 21h30.

O promotor da iniciativa, José Miguel Noras recorda que “há cem anos, Santarém recebeu a primeira condecoração, hoje integrada na respectiva heráldica, premiando os seus méritos militares, na luta pela Pátria, pela Liberdade e pela Democracia. Muitas forças, também populares, intervieram nesse combate que ficou conhecido pela “Revolução de Santarém”, cumprindo destacar, em tal “pronunciamento”, a acção do Partido Socialista Português, que viria a ser erradicado (tal como outras forças políticas), em 1933, pela ditadura”.
Traduzida nas insígnias da “Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito”, essa distinção foi recebida pela cidade de Santarém, em Janeiro de 1920.

Assim, “para assinalar a efeméride e preparar desafios do futuro”, o PS de Santarém organiza um “pronunciamento evocativo”, na sua sede em São Domingos, esta sexta-feira, 24 de janeiro, às 21h30, com a presença do Militar de Abril Coronel António Garcia Correia, que proferirá uma alocução subordinada ao tema.
O programa inclui a intervenção do Coronel António Garcia Correia, Militar de Abril, Grã-Cruz da Ordem do Mérito Internacional, seguindo-se um debate. Termina com um encerramento pelos presidentes das Concelhias do PS e da JS, versando o dinamismo de Santarém, na década de 1920, e o progresso que poderá vir a ter, na década de 2020.
Para esta iniciativa pública, a última do actual mandato, convido todos os amigos do nosso concelho, a quem apresento reiterados votos de excelente Ano de 2020, com abundante saúde e relevantes sucessos.

Leave a Reply

Recentes de Região

Ir para Início
%d bloggers like this: