Santarém – LNEC desafia escolas da região da Lezíria do Tejo no âmbito das alterações climáticas

Em Educação

No dia 4 de março, o Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) irá desafiar algumas Escolas Básicas e Secundárias da região da Lezíria do Tejo, testando tanto a sua criatividade como a compreensão do tema “Alterações climáticas: Que futuro?”.

Este desafio é proposto com base no primeiro projeto de investigação e inovação liderado por Portugal e pelo LNEC, na área da ação climática, no âmbito do Horizonte 2020, o projeto BINGO, que estudou os efeitos das secas no abastecimento público e nos regadios públicos desta região.

A Lezíria do Tejo tem uma das manchas de solos mais ricos do país, com taxas de produtividades entre as mais elevadas a nível mundial, por exemplo, até 18 toneladas de milho por hectare. A disponibilidade de água para rega é crucial para este desempenho.

No contexto do uso e disponibilidades de água, o desafio às escolas consiste na apresentação de trabalhos desenvolvidos pelos alunos através de vídeos, maquetes e/ ou cartazes criativos, explorando o tema da adaptação às alterações climáticas, com especial enfoque em 4 temas: Importância da Investigação e Inovação; A colaboração da Sociedade; A resiliência do Homem; e, O contributo individual.

Com este desafio pretendemos consciencializar a sociedade, em particular os mais jovens para as vulnerabilidades climáticas, promovendo a compreensão de que a adaptação às alterações climáticas necessita da mobilização de todos em ações promotoras de sustentabilidade e resiliência. Acreditamos que, através de iniciativas como esta, se pode comunicar resultados da investigação científica à população, habilitando a sociedade a construir um melhor futuro comum”, sublinha Ana Estela Barbosa, Investigadora do LNEC.

Este encontro de 4 de março, a realizar no Teatro Sá da Bandeira, em Santarém, irá reunir cerca de 100 pessoas, entre alunos, professores e representantes do LNEC. Nesta sessão, será feita uma breve apresentação do LNEC, o enquadramento e resultados do projeto BINGO e lançado oficialmente o desafio às 7 Escolas do Ensino Básico e Secundário que irão participar.

No dia 23 de abril, todos os alunos terão oportunidade de apresentar publicamente os seus trabalhos, bem como fazer uma visita guiada às instalações do LNEC. O conjunto dos trabalhos constituirá uma exposição itinerante, que será levada a todos as escolas participantes até ao final do ano letivo, dando assim a conhecer a toda a comunidade escolar esta iniciativa.

O que é o Projeto BINGO

O BINGO é um projeto europeu que tem como objetivo avaliar os impactos das alterações climáticas no ciclo integrado da água, promovendo estratégias de gestão de risco e medidas de adaptação, numa lógica de redução de vulnerabilidades e de acréscimo de resiliência. Este é o primeiro projeto de investigação e inovação liderado por Portugal, na área da ação climática, no âmbito do Horizonte 2020. Estão envolvidos 20 parceiros europeus, de seis países, sendo os parceiros nacionais do projeto, para além do LNEC, a EPAL, a Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), a Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) e a Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI).

Deixar uma resposta

Recentes de Educação

Ir para Início
%d bloggers like this: