Cancelada a centenária Feira de Maio em Azambuja

Em Região

A situação criada pelo vírus COVID 19 e o atual quadro de pandemia continuam a evoluir de forma preocupante, bastando estarmos atentos à realidade global que nos rodeia, refere a Câmara de Azambuja numa nota de imprensa em que dá conta da decisão de cancelar a Feira de Maio.
A autarquia sublinha que “a crise de saúde pública em que nos encontramos, TODOS SEM EXCEÇÃO, é mesmo um caso de emergência. O número de pessoas infetadas continua a aumentar e cada vida humana roubada pelo vírus representa o drama de uma família que podia ser a nossa e que nos faz repensar as verdadeiras prioridades”.
Segundo as estimativas do governo, o pico da expansão da epidemia deverá acontecer em meados do mês de abril, com um número imprevisível de doentes. Ainda que não se confirmem estas expectativas, o restabelecimento da normalidade e a recuperação da confiança serão processos, naturalmente, demorados.
Neste contexto, o Município de Azambuja entende não estarem reunidas as condições para manter em agenda quer a Feira de Maio quer o conjunto de iniciativas em preparação para todo o Mês da Cultura Tauromáquica.
“Desejando, e acreditando, que este problema à escala mundial terá uma solução tão rápida e segura quanto possível, fica cancelada a realização do XXI Mês da Cultura Tauromáquica e é adiada a realização da Centenária Feira de Maio em Azambuja, para data a anunciar oportunamente”, refere a nota.

Deixar uma resposta