fbpx

Crematório municipal de Almeirim inaugurado

Em Região

Decorreu este sábado de manhã, a cerimónia de inauguração do crematório municipal de Almeirim,  a primeira estrutura do género no distrito de Santarém, que ficará à disposição da população a partir de segunda-feira.

Foto: Rui Colaço

Com as presenças de autarcas e representantes de entidades religiosas, a cerimónia simbólica foi presidida pelo secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares Duarte Cordeiro, nomeado pelo Governo para coordenar a resposta à pandemia na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Foto: Rui Colaço

O presidente da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, salientou que a conclusão da obra foi “acelerada”, por não haver na região este tipo de resposta e por, face à atual pandemia, ser a mais recomendada para óbitos provocados pelo novo coronavirus.

Para o autarca, a inexistência de capacidade de cremação na região, levando “familiares e amigos a fazer muitos quilómetros ou a esperar, por vezes, mais dias do que a lei impõe”, tem prolongado “os momentos de dor, associados ao falecimento” de um ente querido.

Foto: Rui Colaço

O Crematório Municipal de Almeirim vai entrar em funcionamento na próxima segunda-feira, dia 1 de junho. Uma obra realizada pela Câmara Municipal de Almeirim, com um investimento de cerca de 500 mil euros, e que vai ser operada pela Junta de Freguesia de Almeirim.

Foto: Rui Colaço

O crematório de Almeirim é o primeiro a entrar em funcionamento dos três que estão em construção na região, sendo o único que optou por entregar a exploração à Junta de Freguesia de Almeirim. Os outros dois crematórios estão a ser construídos em Santarém e no Entroncamento, sendo ambos investimentos privados.

Foto: Rui Colaço

O crematório do Entroncamento vai custar cerca de 700.000 euros e deverá estar concluído no final de junho. O crematório de Santarém, com um custo de 850.000 euros, tem conclusão prevista para o início de setembro.

Foto: Rui Colaço

1 Comment

Deixar uma resposta

Recentes de Região

Ir para Início
%d bloggers like this: