fbpx

Reduniq com aumento nas compras com cartões para valores pré-pandemia em Santarém

Em Empresas

A rede de aceitação de cartões Reduniq, da Unicre, contabilizou um aumento de 2,52 euros nas compras médias na semana de 24 a 30 de maio, em comparação com os níveis pré-pandemia, para 21,03 euros.

A rede, no seu relatório de analise da evolução das transações desde o início das medidas de contingência em Portugal até à quarta semana do plano de desconfinamento, hoje divulgado, salienta o crescimento do retalho alimentar tradicional desde o início da pandemia, tanto no número de transações quanto na sua faturação.

“Só na semana passada, este tipo de estabelecimentos comerciais registou um total de transações 13% superior aos valores alcançados na semana de 01 a 07 de março”, afirma no relatório, concluindo um aumento de 28% em relação à primeira semana de março.

Também o valor médio de cada compra subiu em comparação com os níveis pré-pandemia, quando o ‘ticket médio’ estava nos 18,51 euros, subindo na semana passada para os 21,03 euros.

O estudo conclui ainda que, na semana passada, a restauração ultrapassou o patamar dos 50% da faturação registada no período pré-pandemia, sendo que no sábado, 30 de maio, alcançou cerca de 82% da faturação media diária da primeira semana de março.

Na semana passada, a área da saúde apresentou 82% da faturação alcançada antes da pandemia, o que representa um aumento de 11% face à semana de 17 a 23 de maio, enquanto a moda cresceu de uma semana para a outra (mais 16%), registando atualmente uma faturação equivalente a 50% do total faturado no início de março.

Sobre a faturação global dos negócios, a REDUNIQ refere que esta aumentou 9,5% em relação à semana de 17 a 23 de maio, o que significa que os valores alcançados representam agora 80% do total faturado no período anterior à pandemia de covid-19.

A nível local, e após o distrito de Portalegre alcançar os valores de faturação pré-pandemia na terceira semana de desconfinamento, foi a vez dos distritos de Bragança, Santarém e Beja ultrapassarem essa linha.

“Próximos desse feito estão os distritos de Viana do Castelo (99%), Castelo Branco (99%), Setúbal (98%) e Évora (98%)”, escreve a empresa no relatório.

A faturação estrangeira aumentou 9,3% face à semana anterior, sendo a Região Autónoma dos Açores e os distritos de Faro e de Lisboa as áreas com maiores subidas de faturação de 29,5%, 13,8% e 13,1%, respetivamente.

Deixar uma resposta

Recentes de Empresas

Ir para Início
%d bloggers like this: