fbpx

Eles roubam tudo e não deixam nada!

Em Opinião

Prenderam um mafioso!

É verdade. Na segunda-feira, dia 22 junho, ainda não sabia?

É verdade…

Sim, prenderam o CEO, quer dizer o chefão, que tratou de desencaminhar quase dois mil milhões de euros… Desencaminhar ou encaminhar, conforme a direção do benefício…

Bem, escrevamos lá com anglicismos que agora é moda fina para fingir que somos mais entendidos na matéria. A Wirecard é um player fintech no país, a very big important player que atua com a banca, a Visa, Mastercard…

Por certo já lhe ofereceram cartões bancários, créditos, serviços financeiros da Wirecard. Até pode já os ter usado sem saber, pois a Wirecard opera no mercado financeiro a partir das novas tecnologias.

A Wirecard é um exemplo da nova fase do capitalismo: online, controle de conhecimento e informação enquanto mercadorias, ativos financeiros intangíveis, mercado global sem rédeas…

Markus Braun, CEO e maior acionista da empresa estrela ascendente da finança, foi preso pelo Ministério Público; foi libertado, esta terça-feira, tendo pago uma fiança de 5 milhões de euros.

O erro de gestão, o equívoco no mercado de risco, o desfalque, ou “uma coisinha assim” como dizia um conhecido, terá tido origem numa denúncia e na recusa do auditor em aprovar as contas.

– Isto foi em Portugal?

– Não, foi na Alemanha!

Por cá os auditores deram boa nota das notas, ou boa conta das contas [?] do Banif, BES, BPP, BPN… O regulador, ou seja, o Banco de Portugal também regulou bem; como se viu!

Por cá, o Estado até paga ao Novo Banco mesmo sem auditoria, mesmo sem o primeiro-ministro saber; é “uma coisinha assim”!

É elogiada a obra do senhor Mário Centeno – também uma “estrela ascendente” na finança portuguesa. Mas quanto “maior a subida, maior a queda”, afinal não poderá ser já presidente do regulador financeiro português: o Banco de Portugal… A vida é difícil…

Por cá, fomos roubados pelos banqueiros mafiosos acima das nossas possibilidades – e ainda lhes estamos a dever dinheiro…

É “uma coisinha assim”. É o mercado!

Vítor Franco

Leave a Reply

Recentes de Opinião

Ir para Início
%d bloggers like this: