fbpx

Município de Azambuja reforça meios de prevenção e combate a incêndios

Em Região

Esta quarta-feira, 1 de julho, dia em que tem início o período crítico de incêndios florestais – o Município de Azambuja acaba de reforçar o seu investimento em matéria de defesa do espaço rural contra o flagelo dos incêndios.

Este reforço traduziu-se na recente aquisição de diverso equipamento, mas também no serviço de vigilância. A nível de material, foram adquiridos um drone, uma máquina de rastos Buldozzer e ferramentas para a equipa dos sapadores florestais. Em termos de vigilância, foi colocado em funcionamento o Posto de Vigia de Alcoentre, através da contratação de um vigilante para o período crítico, de julho a setembro.

A utilização do drone irá permitir a identificação de zonas de risco, bem como a deteção imediata de pontos quentes e o acompanhamento da progressão das frentes de fogo. Este tipo de equipamento constitui uma importante ferramenta de apoio à tomada de decisão, contribuindo para uma maior eficiência dos meios e recursos disponíveis e, muito importante, para a redução do risco das equipas que se encontram no terreno.

Por sua vez, os postos de vigia são estruturas bastante úteis na deteção imediata de um foco de incêndio, na sua localização, na comunicação rápida da ocorrência às entidades responsáveis pela primeira intervenção e, em sequência, no acompanhamento da sua evolução. O Posto de Vigia de Alcoentre, em particular, tem um papel fundamental na vigilância de uma vasta área do concelho, pois é o único que possibilita a visualização de parte da freguesia de Alcoentre e de algumas áreas de Vale Paraíso, Aveiras de Baixo e até de Azambuja.

Com estas medidas, a Câmara de Azambuja, através do Serviço Municipal de Proteção Civil, reforça a capacidade de vigilância e de apoio ao dispositivo de combate a incêndios rurais do município, dotando o concelho de melhores condições para enfrentar o período crítico de verão.

Precisamente, com este início do período crítico, a autarquia reforça a sensibilização da população para as normas legais a cumprir e para os cuidados a ter na proteção de pessoas e bens do grande perigo dos incêndios.

Leave a Reply

Recentes de Região

Ir para Início
%d bloggers like this: