fbpx

Morreu um dos militares da GNR feridos em acidente na A1 na terça-feira

Em Sociedade

Um dos dois militares da GNR feridos com gravidade numa colisão entre um automóvel e um carro-patrulha na Autoestrada 1 (A1), na terça-feira, morreu hoje, segundo informação do Destacamento de Trânsito de Santarém

Trata-se de Carlos Pereira, de 28 anos, natural do Fundão, que morreu esta manhã na sequência dos graves ferimentos sofridos no acidente de ontem.

Carlos Martins, do destacamento de trânsito da GNR de Santarém, estava a poucos meses de ser pai pela primeira vez com a companheira com quem viveu na Freguesia de Samora Correia.

A outra militar gravemente ferida no acidente, Vânia Martins, de 31 anos, natural de Proença-a-Nova, encontra-se internada num hospital de Lisboa, em estado muito crítico e com prognóstico muito reservado.

Recorde-se que ontem, terça-feira, cinco pessoas ficaram feridas com gravidade na sequência da colisão, no sentido norte-sul, entre o nó de Torres Novas e a área de serviço de Santarém.

Em declarações à agência Lusa na terça-feira, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém disse que o acidente ocorreu ao quilómetro 85 da autoestrada, pelas 11h30, quando a GNR “estaria a sinalizar o local”. O carro patrulha estava a sinalizar obras na berma quando foi abalroado pelo automóvel, onde seguiam três pessoas, que sofreram ferimentos ligeiros.

O Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação da GNR investiga as causas do sinistro, existindo suspeitas de que a viatura que causou o acidente circulava com velocidade muito acima dos limites legais para a zona.

Nota de Pesar do Ministro da Administração Interna

Entretanto, o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, emitiu esta tarde uma nota de pesar: “Foi com profunda consternação que tomei conhecimento do falecimento do Guarda Carlos Pereira, no cumprimento da sua missão, numa patrulha do Destacamento de Trânsito da GNR de Santarém. Neste momento trágico transmito, em nome do Governo, um voto de pesar e de solidariedade aos familiares, amigos e a todos os militares da Guarda Nacional Republicana“.

5 Comments

Leave a Reply

Recentes de Sociedade

Ir para Início
%d bloggers like this: