fbpx

Em busca dos maiores escaravelhos de Portugal

Em Ciência/Região

A vaca-loura (Lucanus cervus) e a vaca-ruiva (Lucanus barbarossa) são os maiores escaravelhos de Portugal. Entre maio e setembro andam cá fora, principalmente nas noites quentes, e os cientistas de diversas organizações querem saber onde estão. Se vir um, tire uma fotografia e ajude este projeto, visitando o sítio www.vacaloura.pt e registando o seu avistamento.

O maior escaravelho de Portugal

A vaca-loura (Lucanus cervus), o maior escaravelho da nossa fauna com mais de 8 centímetros de comprimento é essencial no ciclo de nutrientes das florestas por decompor madeira morta, é uma espécie protegida por leis comunitárias e as suas populações encontram-se em declínio um pouco por toda a Europa, estando assim quase em risco de extinção. Em Portugal pouco se sabe sobre esta espécie, no entanto, desde 2016 que se tem feito um esforço coletivo com o objetivo de aumentar o conhecimento sobre este escaravelho.

Os esforços voluntários para melhorar o conhecimento e, consequentemente, o estado de conservação da vaca-loura têm crescido em Portugal com o surgimento do Projeto VACALOURA.pt – Rede Portuguesa de Monitorização da vaca-loura (Lucanus cervus).

Este projeto, coordenado pela Associação Bioliving em parceria mais de 20 organizações nacionais, tem promovido, numa estratégia multidisciplinar, a conservação dos maiores escaravelhos da nossa fauna, especialmente da vaca-loura e dos seus familiares, utilizando esta como um chamariz para a conservação de habitats e processos naturais por vezes negligenciados na gestão dos espaços florestais e do património arbóreo, como por exemplo a madeira morta e a sua natural decomposição.

Apesar de já ter sido possível duplicar a área de distribuição conhecida da vaca-loura e dos seus familiares em Portugal, graças ao apoio de milhares de cidadãos, ainda muito pouco se sabe sobre o estado de conservação das várias espécies.

A small bird perched on a tree branch

Description automatically generated
Machos de vaca-loura (Lucanus cervus) em luta.
(© Guilherme Castro)

Vamos procurar a vaca-ruiva?

vaca-ruiva (Lucanus barbarossa) é um escaravelho com populações muito localizadas e que pode ser avistado na sua fase adulta apenas entre julho e setembro. Esta espécie apresenta tons muito escuros, mede entre 3 e 4,5 cm e apenas ocorre na Península Ibérica, sul de França e norte de África, ao contrário da vaca-loura (Lucanus cervus), que ocorre em toda a Europa.

O facto de ter uma distribuição muito mais reduzida leva a que o conhecimento sobre a espécie seja muito reduzido, inclusive se está ou não em risco de extinção.

Por forma a mudar este paradigma é pretendido compilar o maior número possível de registos sobre a espécie em Portugal, uma medida extremamente importante para avaliar o seu risco de extinção.

A picture containing person, man, green, sitting

Description automatically generated
Macho de vaca-ruiva (Lucanus barbarossa) (©Samuel Costa)

Ambas as espécies podem ser agora, em julho, observadas e por isso precisamos da sua ajuda! Sabemos da sua ocorrência em diferentes locais do país, mas certamente que devem ocorrer em mais alguns.

Na região, o projeto conta com o apoio da associação 30porumalinha, que está a promover a campanha nos concelhos do Médio Tejo.


Diferenças entre as duas espécies (©VACALOURA.pt)

Se vir algum destes escaravelhos, tire uma fotografia e registe o seu avistamento em www.vacaloura.pt/participar-avistamento/

Faça a sua parte e ajude este projeto. Saiba mais em www.vacaloura.pt.

Leave a Reply

Recentes de Ciência

Ir para Início
%d bloggers like this: