fbpx

Estudo – Preço médio de arrendamento cresce 11% em junho face ao mês anterior no distrito de Santarém

Em Empresas

O Imovirtual acaba de divulgar um estudo, baseado em dados disponíveis na plataforma, no qual analisa a evolução dos preços médios de venda e arrendamento anunciados no Portal. Os dados agora partilhados referem-se ao comparativo do mês de junho de 2020 com o mês de maio do mesmo ano e o período homólogo de 2019.

Para além das conclusões apresentadas, importa referir que, no segmento de arrendamento em junho de 2020, logo após Portalegre, os distritos que apresentam valores mais baixos são Guarda (357€), Castelo Branco (381€) e Vila Real (465€).

Santarém apresenta um valor médio de arrendamento de 538€ em junho contra 486 € em maio, o que representa um aumento de 11%.

Já em termos de subida no preço médio de venda, depois de Setúbal, Lisboa (+3.7%), Porto (+2.7%), Faro (+2.4%) e Região Autónoma da Madeira (+0.4%) surgem a fechar o TOP5 neste indicador. No entanto, em termos de valores absolutos, a capital do país (577.150€) continua a ser a região mais cara para se adquirir um imóvel.

Santarém registou um valor médio de venda de 155.821 €, em junho, enquanto em maio esse valor era de 153 215 €, o que representa um crescimento de 2%.

No pólo oposto, os distritos com valores médios de venda mais baixos são Castelo Branco (120.534€), Guarda (124.678€), Beja (130.151€) e Portalegre (135.454€).

Se a comparação for feito com o período homólogo do ano passado (junho de 2019), cujo valor foi de 1.208€, verifica-se que o preço médio de arrendamento caiu 0,2%. O preço médio de venda, no entanto, aumentou 2,9% (em junho do ano passado situava-se nos 349.044€).

Para conhecer todos os detalhes deste estudo, incluindo tabelas e gráficos de apoio, viste https://www.imovirtual.com/noticias/atualidade/mercado-imobiliario-em-numeros-barometro-mensal-de-junho

Santarémjun/20mai/20Cresc
Arrendamento538 €486 €11%
Venda155 821 €153 215 €2%

Leave a Reply

Recentes de Empresas

Ir para Início
%d bloggers like this: