Fundação Rotária abre candidaturas para projetos nas áreas da saúde, educação, ambiente e combate à pobreza

Em Sociedade

Apoios vão ser atribuídos nas áreas de  Alfabetização e Educação, Combate à Fome e à Pobreza, Promoção da Saúde e Recursos Hídricos e Ambiente

A Fundação Rotária Portuguesa (FRP) vai abrir candidaturas para apoiar projetos dos Clubes Rotários, nas áreas da Alfabetização e Educação, Combate à Fome e à Pobreza, Promoção da Saúde e Recursos Hídricos e Ambiente. A primeira fase de candidaturas, neste ano rotário 2020/21, decorre de 1 a 30 de Setembro.

Segundo o regulamento de atribuição dos apoios, a FRP, após análise aprofundada das candidaturas, comparticipa com verbas até ao limite do Fundo de Apoio anualmente estabelecido, atribuindo apoios que vão de 10% a 50% do montante de cada projeto, até ao limite de 2.500 euros por candidatura.

A percentagem dos apoios para cada área é definida anualmente pelos governadores dos dois distritos. O Governador do Distrito 1960, Roberto Carvalho, estabeleceu para esta fase apoios de até 50% para todas as áreas. O Governador do Distrito 1970, Sérgio Almeida, estabeleceu que os apoios para a Alfabetização e Educação e para a Promoção da Saúde podem ir até 50% do valor das candidaturas. Para projetos de Combate à Fome e à Pobreza a percentagem é de até 20% e para os Recursos Hídricos e Ambiente de até 10%.

O regulamento dispõe que as candidaturas serão analisadas por uma comissão de avaliação e será valorizado o enquadramento do projeto, o impacto social e grau de urgência da ação proposta no quadro da comunidade a que se destina e a relação custos/benefícios das ações, entre outros fatores.

A Fundação Rotária Portuguesa e o seu papel

A FRP é uma fundação de solidariedade social, sem fins lucrativos, com Estatuto de Utilidade Pública, sendo Membro Honorário da Ordem de Mérito e é IPSS na área da Educação.

Fundada em 19 de abril de 1959, a Fundação já concedeu Bolsas de Estudo no valor de perto de sete milhões de euros.

Ao longo da sua existência tem também desenvolvido perto de meio milhar de projetos de Alfabetização/Educação, destacando-se ainda projetos de Combate à Fome e à Pobreza, Promoção da Saúde e projetos relacionados com os Recursos Hídricos e Ambiente.

Leave a Reply