fbpx

Surto na Misericórdia de Pernes – Há 10 novos casos confirmados de infeção no concelho de Santarém

Em Saúde

Registaram-se 10 novos casos confirmados de infeção pela Covid-19, nas últimas 24 horas, no concelho de Santarém, tendo surgido um surto no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Pernes com 3 casos confirmados.

Sobe assim, para 583 o total de casos confirmados no concelho de Santarém. Há mais 4 casos recuperados, sendo agora 407 o total de doentes curados no concelho. O número de casos ativos no concelho sobe assim para 152. Mantêm-se 284 casos em vigilância e 2 4 óbitos.

 Situações a registar no Concelho de SantarémAté 22 de outubroÚltimas 24 horasTotal no Concelho
Casos confirmados de infeção pelo COVID-19573+ 10583
Casos ativos146+ 6152
Casos em vigilância ativa284284
Casos recuperados403+ 4407
Registo de óbitos2424

Principais surtos ativos no concelho

Alunos por Agrupamento de EscolaTotal
AE Alexandre Herculano4
Hospitais, Lares e Casas de RepousoTotal
Quinta de Valmonte, Residência Sénior5
(Origem) Despedida de Solteiro UFRV3
APPACDM4
Hospital Distrital Santarém31
Lar Santa Casa Misericórdia de Santarém35
Lar Santa Casa Misericórdia de Pernes3

Registo de óbitos

Óbitos em Lares e Casas de RepousoTotal
Comunidade4
Casa de Repouso Idoso Feliz8
Casa de Repouso Fonte Serrã7
Quinta de Valmonte, Residência Sénior4
Centro Social Serra do Alecrim1

Portugal com mais 31 mortos e 2.899 casos confirmados

Portugal contabiliza hoje mais 31 mortos relacionados com a covid-19 e 2.899 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim hoje divulgado, desde o início da pandemia de covid-19 Portugal já contabilizou 112.440 casos confirmados e 2.276 óbitos.

As autoridades de saúde têm 57.455 pessoas em vigilância, mais 1.646 do que na quinta-feira.

A DGS revela ainda que estão ativos 44.284 casos, mais 1.519 em relação a quinta-feira.

O número de óbitos hoje registado está em valores próximos dos registados em abril. Até ao momento o maior número de mortes foi registado a 03 de abril quando 37 pessoas perderam a vida devido à covid-19.

Os internamentos hospitalares atingiram hoje um novo recorde desde o início da pandemia com o registo de mais 53 pessoas internadas nas últimas 24 horas totalizando 1.418. Na quarta-feira os dados davam conta da existência de 1.365 casos superando o valor máximo registado em abril de 1.302.

Nos cuidados intensivos estão internados 198, menos dois do que na quinta-feira. O máximo de internamentos em Unidades de Cuidados Intensivos foi registado em 07 de abril, dia em que 271 pessoas estavam nestas unidades com covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2.

Segundo o boletim epidemiológico, das 31 mortes registadas, 14 ocorreram na região Norte, nove em Lisboa e Vale do Tejo, cinco no Centro, duas no Alentejo e uma no Algarve.

Nas últimas 24 horas 1.349 doentes recuperaram, totalizando 65.880 desde o início da pandemia.

A região Norte continua a registar o maior número de novas infeções diárias, registando hoje mais 1.516 casos, totalizando 46 391, e 1.001 mortos desde o início da pandemia.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados mais 918 casos de infeção, contabilizando a região 51.313 casos e 913 mortes.

Na região Centro registaram-se 364 novos casos, contabilizando 9.388 infeções e 290 mortos.

No Alentejo foram registados 53 novos casos de infeção, totalizando 2.272 com um total de 33 mortos desde o início da pandemia.

A região do Algarve tem hoje notificados mais 38 casos de infeção, somando 2.373 casos e 24 mortos.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados mais dois casos nas últimas 24 horas, somando 334 infeções detetadas e 15 mortos desde o início da pandemia.

A Madeira registou oito novos casos nas últimas 24 horas, contabilizando 369 infeções, sem óbitos até hoje.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

No total, o novo coronavírus já afetou em Portugal pelo menos 51.125 homens e 61.315 mulheres, de acordo com os casos declarados.

Do total de vítimas mortais, 1.154 eram homens e 1.122 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

Leave a Reply

Recentes de Saúde

Ir para Início
%d bloggers like this: