fbpx

Armas apreendidas em caso de violência doméstica na Chamusca

Em Sociedade

Militares da Guarda Nacional Republicana da Chamusca apreenderam armas a um homem de 54 anos, que foi constituído arguido num processo por violência doméstica.

A GNR apurou que o suspeito exercia violência psicológica através de ameaças com recurso a armas de fogo à sua mulher, de 53 anos.

No seguimento das diligências policiais, foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária que culminou na apreensão de duas armas de ar comprimido; três catanas; um machado; duas facas de mato; uma navalha; e vários projéteis em chumbo.

O suspeito foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal de Santarém.

Esta ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Torres Novas.

Leave a Reply

Recentes de Sociedade

Ir para Início
%d bloggers like this: