GNR de Azambuja apreende captura ilegal de meixão no rio Tejo

Em Sociedade

O Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) da GNR de Alenquer apreendeu, ontem, 10 de dezembro, 250 gramas de meixão na lezíria do Rio Tejo em Azambuja.

No âmbito de uma ação de fiscalização à captura ilegal de meixão, os militares detetaram cinco redes de pesca utilizadas para a captura desta espécie que, devido às suas caraterísticas, são extremamente lesivas à fauna existente. No decorrer desta ação foi apreendido o material utilizado na captura desta espécie e 250 gramas de meixão, que poderia atingir o valor de 420 euros no mercado.

O meixão apreendido, por ainda se encontrar vivo, foi devolvido ao seu habitat natural.

Esta operação contou com o reforço da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS) e do Comando Territorial de Santarém.

A enguia europeia, Anguilla anguilla, que na fase larvar é conhecida por meixão, é uma espécie considerada em perigo e que tem sofrido grande redução no número de efetivos em razão da pesca ilegal, impedindo desta forma o normal ciclo de reprodução, colocando em causa a sustentabilidade da espécie.

Leave a Reply