Há mais 38 casos confirmados de covid-19 no concelho de Santarém

Em Saúde

Nas últimas 24 horas, registaram-se mais 38 novos casos confirmados de infeção pela covid-19, no concelho de Santarém. Destes novos casos, 5 são de um novo surto em mais um lar de idosos no concelho, no caso no Centro de Dia de Abitureiras. O lar do Gualdim continua com 30 casos e o Lar da Misericórdia de Alcanede baixou para 27.

Aumentam assim para 1564 o total de casos confirmados no concelho. Registaram-se mais 16 casos recuperados, somando 1286 os doentes curados no concelho. Aumentam assim para 236 casos ativos no concelho.

Situação epidemiológica na Lezíria do Tejo

Nenhuma descrição de foto disponível.

Situação epidemiológica no Médio Tejo

A imagem pode conter: texto que diz "KEPORLICA SNS nd@.porpmos ESTAMOS aces Medietaye Resumo Vigilancia Epidemiológica COVID19 11 Dezembro 2020 16h30 情 3549 TotalVigilancia Total Ativa 4320 Total Altas Vigilância Ativa 3830 Pessoas contatadas na investigação dos casos 4844 Total Casos Recuperados 2364 Quadro- Distribuicao ara ACESMT pessoas 480 600 Abrantes Casos asos 283 529 Alcanena Constancia 23 398 Entroncamento Ferreira Zézere Mação Ourém 53 2 19 110 Sardoal Torres Novad Barquinha Total Geral 65 3549 547 TorresNovas Novas arquinh 48 41 538 504 nfluência ACESMET"

Portugal com mais 95 mortes em 24 horas, novo máximo

Portugal contabilizou hoje 95 óbitos, um novo máximo de mortes relacionadas com a covid-19 em 24 horas e ainda 5.080 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 5.373 mortes e 340.287 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 71.266, mais 885 do que na quinta-feira.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim epidemiológico da DGS indica que estão internadas 3.230 pessoas, menos 74 do que no dia anterior, das quais 507 em salas de cuidados intensivos, menos duas do que na quinta-feira.

Das 95 mortes registadas nas últimas 24 horas, 41 ocorreram na região Norte, 32 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 16 na região Centro, duas no Alentejo, outras duas no Algarve, uma nos Açores e outra na Madeira.

As autoridades de saúde têm em vigilância 74.894 contactos, menos 739 do que na quinta-feira, tendo-se registado mais 4.100 doentes recuperados, totalizando, desde o início da epidemia, 263.648.

Segundo o boletim da DGS, a região Norte é a que regista o maior número de novas infeções por SARS-CoV-2 (2.395), totalizando 178.378 casos e 2.578 mortes desde março.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados mais 1.618 novos casos, contabilizando-se até agora 110.635 infeções e 1.863 mortes.

Na região Centro registaram-se mais 787 casos de covid-19, num total de 35.358, e 713 mortos desde março.

Já no Alentejo, foram assinalados mais 193 casos, totalizando 7.613 casos e 138 mortos desde que começou a epidemia em Portugal.

A região do Algarve tem hoje notificados 66 novas infeções, somando 6.015 casos e 58 mortos.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados 16 novos casos nas últimas 24 horas, e um óbito, somando agora 1.270 infeções detetadas e 20 mortos.

A Madeira registou cinco novos casos e um morto. Desde março, a região autónoma contabiliza 1.018 infeções e três óbitos.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 152.955 homens e 187.198 mulheres, referem os dados da DGS, segundo os quais há 134 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que estes dados são fornecidos de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 2.816 eram homens e 2.557 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

O país está em estado de emergência desde 09 de novembro e até 23 de dezembro, período durante o qual há recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.

Leave a Reply

Recentes de Saúde

Ir para Início
%d bloggers like this: