Comeres & beberes – Bandeja

Em Ribatejo Cool

O comentador exaltado, a esbracejar, repetia: deu-lhe de bandeja, ele não pensava em Salomé, muito menos em S. João Batista, referia-se abrasivo a, uma mal sucedida jogada de futebol.

O termo bandeja trouxe-me à memória os profissionais da hotelaria e restauração, desde os sagazes e manhosos de A Brasileira, do Central e do Portugal cafés emblemáticos de Santarém, passando pelos mal-educados que quando os clientes se demoravam deixavam cair as bandejas provocando estardalhaço a afugentar os mais tardios. Ora, a bandeja é um utensílio que pode ser de madeira, vime, vidro, metal e mármore, ter rebordos duas asas e uma campânula, que serve para transportar e apresentar produtos de vários matizes, por norma alimentos cozinhados, e bebidas.

Uma bandeja de mariscos (moluscos e crustáceos) é apresentada coberta de gelo picado ou algas num suporte. Um sortido de queijos coloca-se numa bandeja de mármore, ou de madeira de oliveira, também pode ser de vime, e os queijos cobertos com folhas de videira.

Acerca de bandejas de futebol os dicionários especializados de gastronomia nada dizem.

O comentador terá outras fontes!

Armando Fernandes   

Leave a Reply

Recentes de Ribatejo Cool

Ir para Início
%d bloggers like this: