Pneumoscópio, o mapa dinâmico da Pneumonia e Meningite em Portugal

Em Saúde

Disponível a partir de hoje, o Pneumoscópio é uma ferramenta de representação geoespacial que permite mapear o número de internamentos por Pneumonia e mortalidade por Pneumonia ou Meningite, em Portugal Continental. Acessível emhttps://www.pneumoscopio.pt/,esta plataforma será um importante contributo para que investigadores, profissionais de saúde e decisores possam ter em conta o perfil da população nacional para ambas as patologias, permitindo-lhes delinear de forma fundamentada estratégias de prevenção e atuação para a mitigação do impacto das doenças.

Os últimos anos demostraram a importância de georreferenciar a informação em saúde, em especial na área da prevenção. Compreender o ecossistema em que vivem as populações é um fator essencial na construção de estratégias de prevenção e atuação para a mitigação do impacto das doenças.

Desta necessidade nasce o Pneumoscópio, que tem o objetivo caracterizar a Pneumonia e a Meningite de forma nacional e por região. Através do Pneumoscópio, será possível fazer a representação geográfica do número de internamentos por Pneumonia e da mortalidade por Pneumonia e Meningite, e relacioná-los com outros indicadores, como os sociodemográficos.

Entre outras vantagens, a representação geoespacial permitirá, por um lado, traçar o perfil de ambas as patologias na respetiva área de atuação, ao mesmo tempo que permitirá visualizar a sua associação com indicadores sociodemográficos como o Produto Interno Bruto per capita (poder de compra), o grau de escolaridade, a qualidade térmica habitacional, a taxa de sedentarismo por faixa etária e o índice de poluição atmosférica.

Será particularmente útil à investigação, bem como um importante apoio na construção de estratégias prevenção e atuação para a mitigação do impacto das doenças. Para assegurar a valência, a independência e eficiência do projeto, foi nomeada uma Comissão Científica que inclui Dr. Carlos Rabaçal – Hospital de Vila Franca de Xira; Prof. Doutor Davide Carvalho – Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo (SPEDM); Prof. Doutor Filipe Froes – Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP); Dra. Isabel Saraiva – Movimento Doentes pela Vacinação (MOVA); Dr. Jaime Pina – Fundação Portuguesa do Pulmão (FPP); Dr. Ricardo Mexia – Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública (ANMSP); Dr. Rui Costa – Grupo de Doenças Respiratórias (GRESP) da APMGF.

A partir de hoje, pode aceder ao Pneumoscópio aqui.

Leave a Reply