Home Sociedade

Rio Maior – Dez detidos em flagrante por uso de meios proibidos na caça

0

Militares do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) da GNR de Santarém detiveram, ontem, 16 de maio, em flagrante, dez homens, com idades entre os 41 e os 64 anos, por crime de caça de espécies cinegéticas com recurso a meios proibidos, no concelho de Rio Maior.

No decorrer de uma ação de fiscalização ao exercício do ato venatório, os elementos do NPA detetaram os dez suspeitos a utilizar um processo de caça proibido para a presente época do ano. Verificou-se ainda que o campo de treino onde se realizou a largada não se encontrava previsto no plano de caça da reserva, resultando num auto de contraordenação.

Na sequência da ação foram apreendidas dez caçadeiras de calibre 12; e 57 cartuchos de calibre 12;

Os detidos foram constituídos arguidos e foram presentes hoje, dia 17 de maio, ao Tribunal Judicial de Rio Maior, para aplicação das medidas de coação.

A GNR relembra que, no exercício do ato venatório, é proibida a caça de espécies não cinegéticas, a caça em terrenos cobertos de neve, com exceção de espécies de caça maior (ex.: javali, veado, etc.), o abandono dos animais que acompanham o caçador, a captura ou destruição dos ninhos, dos ovos e crias de qualquer espécie. Estas práticas são tipificadas na lei como crime.

sem comentários

Deixe o seu comentário

por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva aqui o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

 

Exit mobile version