Domingo, Dezembro 4, 2022
InícioOpiniãoFigurará Santarém no mapa de Portugal dos nossos governantes?! (podcast)
<
<
<
<

Figurará Santarém no mapa de Portugal dos nossos governantes?! (podcast)

João Teixeira Leite e Nuno Domingos, respetivamente vice-presidente e vereador da Cultura da Câmara Municipal de Santarém, estiveram há cerca de uma semana reunidos com a Secretária de Estado da Cultura. O objetivo foi alertar para alguns dos problemas que Santarém e o seu concelho enfrentam nesta área.

Ouça aqui o podcast:

Ao que se soube por comunicado, os temas principais abordados foram:

• A não existência de uma Direção Regional de Cultura na Lezíria do Tejo, Médio Tejo e Oeste, organismo que tem lugar noutras regiões do país e que beneficiaria certamente os nossos agentes culturais, sobretudo os amadores.

• O MAVU (Museu de Abril e dos Valores Universais) – terá sido solicitado o envolvimento do Ministério da Cultura na viabilização do projeto, como aconteceu no Forte de Peniche e no Aljube entre outros. Parece que o Ministro se interessou pelo assunto!

Ao que continua a parecer, a concretização deste projeto ainda está para “lavar e durar” e já não será mau se a obra estiver começada em abril de 2025, quando era previsto o Museu entrar em funcionamento…

• A Classificação do Centro Histórico de Santarém, processo com cerca de dez anos, cujo não avanço, mais direta ou mais indiretamente, tem ocasionado aos proprietários incompreensíveis dificuldades, custos e demoras em pequenas obras de manutenção dos edifícios, tais como simples pinturas.

Certamente que esta não é a única questão que motiva esta “burocracia”, mas claro que é relevante.
Parece que o Diretor Geral do Património Cultural prometeu que finalmente iriam dar andamento ao assunto…
Terá ainda sido chamada a atenção para questões como as necessárias intervenções nas Muralhas de Santarém, no Mosteiro de Almoster, no Castelo de Alcanede e na Igreja da Graça.
Certamente que muitos outros assuntos e questões poderiam ter sido apresentados nesta reunião. Também provavelmente os efeitos poderiam ser maiores se o encontro tivesse tido lugar diretamente com o Ministro e o nosso Presidente de Câmara estivesse também presente.

Mas o que é realmente importante é que esta afirmação de Santarém em Lisboa poderá ser o prenúncio de que este executivo camarário passará a fazer-se ouvir junto do Governo central e que talvez esteja a deixar de somente se queixar de não nos ligarem para fazer insistente e contínua pressão para que também Santarém figure no mapa de Portugal que é consultado pelos nossos governantes nacionais!

Francisco Mendes

 

Receba a newsletter com as notícias do Ribatejo

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

spot_img
Também pode ler

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe o seu comentário!
Por favor, escreva seu nome aqui

spot_img
pubspot_img

Artigos recentes

spot_img

Comentários recentes

spot_img
spot_img
Feedback