Home Ambiente

CDU faz campanha em Almeirim e aposta na defesa dos Ecossistemas Ribeirinhos

0
Iniciativa em defesa dos Ecossistemas Ribeirinhos

Bernardino Soares, 1.º candidato da CDU ao círculo eleitoral de Santarém, esteve em Almeirim, no passado dia 22 de Fevereiro, , acompanhado dos candidatos Sónia Colaço e Francisco Madeira Lopes, numa campanha de contacto com a população e trabalhadores de empresas localizadas na cidade de Almeirim, bem como de comerciantes locais e utentes de serviços públicos.

CDU em Contacto com utentes serviços publicos
CDU em Contacto com utentes serviços publicos

Os candidatos participaram numa iniciativa em defesa dos ecossistemas ribeirinhos, na qual a CDU assinalou com bandeiras negras “o profundo estado de degradação da Vala Real de Almeirim, com elevadas cargas orgânicas na água, assim como um intenso mau cheiro. É este o ponto a que chegou este património natural e paisagístico de elevada riqueza e diversidade”.
A CDU frisou as “potencialidades deste recurso valioso e os seus esforços na preservação do rio”. Também denunciou a “situação atual de inoperância da parte da Câmara”, lembrando que “foi feito um investimento num barco para limpar a vala, e que não se dá uso ao mesmo. É necessária uma intervenção urgente”.

CDU na Vala Real em Almeirim

Em comunicado, a  CDU salienta a poluição que afeta os ecossistemas ribeirinhos do distrito. Além da Vala Real em Almeirim, aponta o exemplo do rio Maior e a Vala da Azambuja no Cartaxo. A existência permanente de espécies invasoras e infestantes, como por exemplo os jacintos de água, provocam a degradação ambiental destes locais, são um atentado à Natureza e ao usufruto das populações de um ambiente sadio e equilibrado.
A CDU salienta que a defesa do meio ambiente é seu compromisso eleitoral no
distrito de Santarém, nomeadamente através “do reforço de meios humanos e técnicos das autoridades com responsabilidade na fiscalização e ações inspetivas em questões ambientais com vista a combater focos de poluição nos rios”.

Vala Real em Almeirim

A CDU defende a “adoção de medidas que garantam a regularização dos caudais do Tejo e do Zêzere e seus afluentes, nomeadamente com uma revisão da Convenção de Albufeira que garanta a efectiva existência de caudais ecológicos que representem o regime natural destes cursos de água, de acordo com a sazonalidade das estações do ano”.

Propõe a “implementação de medidas que conduzam ao desassoreamento dos leitos e à
consolidação das margens em zonas críticas, bem como a remoção dos jacintos de
água”. Defende a monitorização de impacto ambiental das empresas instaladas junto aos cursos de água para fazer cumprir a legislação ambiental, e garantir a segurança dos
trabalhadores e o bem-estar das populações”.

Bernardino Soares

Para a CDU, é necessário apostar na “criação de zonas de lazer a par de faixas de proteção para salvaguardar a biodiversidade quer no Tejo quer nos seus afluentes”.

sem comentários

Deixe o seu comentário

por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva aqui o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Fechar
Exit mobile version