Sábado, Junho 15, 2024
InícioAmbienteControlo de pombos leva PAN Santarém a reunir com Câmara do Cartaxo
banner-complexo-aquático

Controlo de pombos leva PAN Santarém a reunir com Câmara do Cartaxo

Membros da Distrital do PAN Santarém reuniram no passado dia 10 de abril, com o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, João Heitor, no seguimento de denúncias sobre o método utilizado no controlo da população de pombos na cidade.
Segundo o PAN , o autarca garantiu que a captura dos pombos e a sua posterior libertação noutros locais, com recurso a uma empresa externa, cumpre todos os requisitos legais e que se encontra devidamente aprovada pelas autoridades. No entanto, o PAN Santarém, como anteriormente já fez noutros municípios, apresentou como alternativa ao método utilizado actualmente uma proposta de construção de uma rede de pombais contraceptivos, que faça efectivamente face à preocupação da autarquia relativamente à sobrepopulação de pombos na cidade do Cartaxo.
O pombal contraceptivo é uma estrutura na qual é possível realizar um controlo eficaz, sustentável e económico da população de pombos citadinos, substituindo os métodos habituais de apanha por uma alternativa ética e não letal, que respeita 100% as necessidades etológicas das aves sendo, de resto, já usado há largos anos com sucesso em várias cidades europeias.
Na prática, este método consiste em incentivar as aves a nidificarem em locais específicos, proporcionando-lhes para o efeito abrigo, alimento e água. Uma vez aí estabelecidos, os pombos irão passar a maioria do seu tempo dentro da estrutura (pombal), estabelecendo aí os seus ninhos. Posteriormente, equipas responsáveis limpam e cuidam do espaço e retiram os ovos substituindo-os por outros – de gesso ou plástico –, prevenindo o nascimento de novos espécimes de forma descontrolada.

pombos
Imagem Depositphotos

O método representa uma vantagem a nível de custos, de logística, de enquadramento paisagístico e de higiene, uma vez que, concentrados no pombal para nidificar e comer, as aves não mais irão mais procurar parapeitos ou telhados de casas e monumentos para o fazerem, salvaguardando a preservação do património da cidade.
O autarca mostrou-se sensibilizado para a problemática e garantiu que iria tomar diligências para a criação de um projecto-piloto, que envolva o município, as escolas e a sociedade civil. Além da construção de uma estrutura para o efeito, deverão também ser levadas a cabo acções de sensibilização e educação para a população em geral.

O PAN Santarém, através dos seus elementos, dos quais se destaca a médica veterinária Drª. Ana Silva Pereira e a representante local, Teresa Ferreira, colocou-se ao dispor para apoiar todas as acções que o Município decida tomar em relação a esta alteração de paradigma, no que à população de pombos diz respeito.

Deixe o seu comentário

por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva aqui o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Também pode ler

Subscreva a newsletter

Receba as notícias do dia do jornal Mais Ribatejo diretamente na sua caixa de email.

Artigos recentes

Comentários recentes

pub
banner-união-freguesias-cidade-santarem

Mais Ribatejo _ PopUp _ BolsaRecrutamentoULSETEJO 

banner fna24