Domingo, Junho 16, 2024
InícioOpiniãoPeço desculpa. Onde está ela? Desconhecemos - por Ana Freitas (podcast)
banner-complexo-aquático

Peço desculpa. Onde está ela? Desconhecemos – por Ana Freitas (podcast)

Viver é uma ventura. Quem não arrisca não petisca, opina D. Guilhermina a propósito de qualquer pedida opinião ou a talhe de qualquer foice. Nada de novo. Quase sempre sem espanto. Daí o desencanto. Intensificado por inusitados episódios quotidianos. De uma leviandade surpreendente. De uma arrogância desumana.

Imagine-se entrar numa conceituada farmácia – grande, de um a outro quarteirão – do centro da capital para uma necessidade básica. Comprar água oxigenada. Mal se entra uma jovem solícita pergunta em que posso ajudar. Ah, não! responde com ar altivo eu só estou para a BRD. E para a água oxigenada, insisti. É retirar a senha B.

farmacia
Imagem Depositphotos

Chega a vez da dita. Neste balcão é cosmética, com um sorriso reprovador. Mas a sua colega é que me disse  depois de dizer algo que não percebi que era aqui. Ah ela só está ali pra essa marca. Só que a senha B é cosmética. Pra isso é a senha A, disse-o com ar displicente. E penso para com os meus ausentes botões, prò básico é sempre mais demorado. Tudo se complica. Não sei quantos As à espera. Estoicamente de pé. Qualquer assento ocupa muito espaço hoje. Melhor, não consta na detalhada lista de critérios de mercado. Muito criteriosa. Não é rentável. E finalmente é a vez do não sei quantos A. Finalmente, desabafo. Já se sabe que têm que esperar. Rapidez na resposta é certo, comento para os botões que não tenho. É que esta é a minha segunda fila aqui, explico. Por informação errada vossa. Não ligou. De água oxigenada na mão, peço algodão para poder desinfectar uma ferida. Não vendemos. Temos é um spray que já não precisa de nada para desinfectar, é só pulverizar. Uma maravilha! É só um bocadinho mais caro. Seis vezes mais caro, returco eu. Isso não sei, mas é muito melhor, responde. Este deve ser o primeiro critério de venda que lhe ensinaram, penso.

O sol esperava-me cá fora. E pediu-me desculpa.

Ana Freitas

 

1 comentário

  1. Que estranhas des/formas de comunicação, entre As e Bs neste mundo em mudanças, se vão manifestando entre a gente!…
    Boa observação, Ana T. Freitas!

Deixe o seu comentário

por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva aqui o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Também pode ler

Subscreva a newsletter

Receba as notícias do dia do jornal Mais Ribatejo diretamente na sua caixa de email.

Artigos recentes

Comentários recentes

pub
banner-união-freguesias-cidade-santarem

Mais Ribatejo _ PopUp _ BolsaRecrutamentoULSETEJO