Domingo, Junho 16, 2024
InícioAmbienteAgricultura Sustentável em debate no 1.º Fórum em Portugal (vídeos e fotos)
banner-complexo-aquático

Agricultura Sustentável em debate no 1.º Fórum em Portugal (vídeos e fotos)

O 1.º Fórum de Agricultura Sustentável, o primeiro grande evento dedicado à Agricultura Sustentável em Portugal teve lugar em Santarém, com a participação de mais de 200 pessoas, entre as quais o ministro da Agricultura, José Manuel Fernandes, o vereador da Câmara Municipal de Santarém, Nuno Russo e António Serrano, ex-ministro da Agricultura e professor catedrático da Universidade de Évora.

O Fórum teve lugar no CNEMA – Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas, em Santarém, no dia 14 de maio, e contou com a entrega dos primeiros Certificados Olival Circular ao produtor de azeite Agri-Mendes por ter processado o bagaço de azeitona resultante do processo de produção do seu azeite, durante a Campanha de 2023, através da biotecnologia de bioconversão desenvolvida pela EntoGreen.I Fórum Agricultura Sustentável

O objetivo deste encontro foi debater, divulgar, amplificar e promover as boas práticas sustentáveis no setor agrícola nacional, reforçando o reconhecimento, competência e compromisso social e ambiental do setor.

I Fórum Agricultura Sustentável
Margarida Oliveira, diretora da Escola Superior Agrária de Santarém

O Fórum abrangeu quatro grandes temas de debate, sendo que a empresa de Santarém EntoGreen teve particular intervenção no âmbito do tema a “Biotecnologia ao serviço da Sustentabilidade” onde o administrador Diogo Palha, partilhou o palco com Andreia Afonso, cofundadora da Deifil e diretora do departamento de ID e de produção in vitro, e com Tiago Costa, CEO Agricultural Business SOGEPOC , para apresentar e discutir as novas soluções biotecnologicas do futuro do setor agrícola nacional, como é o caso da bioconversão de subprodutos agroindustriais por larvas de mosca soldado negro, tecnologia desenvolvida pela EntoGreen.

 

Fórum Agricultura sustentável
Entrega do certificado de Olival Circular à AgriMendes. Foto: João Baptista

AgriMendes recebe primeiro Certificado de Olival Circular

O evento teve ainda um momento especial com a entrega do Primeiro Certificado de Olival Circular pelo ministro da Agricultura, José Manuel Fernandes, à empresa AgriMendes, que na Campanha de 2023 viu o bagaço de azeitona resultante do processo de produção do seu azeite ser totalmente transformado em novos produtos derivados através da biotecnologia
de bioconversão desenvolvida pela EntoGreen.

I Fórum Agricultura Sustentável
Daniel Murta, CEO da EntoGreen

A partir de hoje o Certificado Olival Circular estará nas garrafas do Azeite Mendes comprovando a forma de valorização do bagaço de azeitona obtido na produção deste azeite na Campanha de 2023.
Esta foi uma solução que despertou a atenção da plateia de mais de 200 pessoas que ficou a conhecer melhor a EntoGreen e a capacidade que a sua Unidade Industrial de Santarém tem ao transformar cerca de 36.000 toneladas de bagaço de azeitona em proteína, óleo
e fertilizante orgânico de inseto por ano, criando mais com os mesmos recursos naturais.

I Fórum Agricultura Sustentável
Luís Mira, secretário-geral da CAP

O 1.º Fórum de Agricultura Sustentável contou com as presenças do ministro da Agricultura, José Manuel Fernandes, do vereador da Câmara Municipal de Santarém, Nuno Russo e de António Serrano, ex-ministro da Agricultura e professor catedrático da Universidade de Évora, no painel de participantes do primeiro grande evento dedicado à Agricultura Sustentável em Portugal, organizado pelo Jornal ECO e apoiado por duas empresas de Santarém, a EntoGreen e a Asfertglobal.

I Fórum Agricultura Sustentável
Nuno Russo, vereador da Câmara de Santarém

Nuno Russo, vereador da Câmara Municipal de Santarém (CMS), com o Pelouro da Apoio ao Desenvolvimento Agrícola do Concelho, afirma que Santarém pretende “assumir um papel de liderança na discussão de todas as matérias de relevância para o desenvolvimento da agricultura no País”.Fórum Agricultura sustentável

O vereador apresentou os dados do diagnóstico da realidade agrícola, pecuária, florestal e agroindustrial no concelho de Santarém. Uma “caracterização que servirá para elaborar uma Estratégia Futura e um Plano de Ação, que permitam identificar oportunidades que potenciem o investimento em vários setores, definindo o papel da CMS enquanto maior facilitador do desenvolvimento da agricultura no concelho e na região”, referiu.

I Fórum Agricultura Sustentável
Nuno Serra, secretário-geral da Confagri

Santarém em defesa do Projeto Tejo – o Alqueva do Ribatejo

Nuno Russo considera que “um dos maiores desafios existentes é questão da água, pelo que é fundamental conhecer as conclusões do Estudo de Valorização dos Recursos Hídricos para a Agricultura no Vale do Tejo e Oeste, o denominado Projeto Tejo – O Alqueva do Ribatejo, pois estamos convictos que o aproveitamento hidroagrícola, em termos de projeto de investimento terá uma viabilidade e interesse positivos, do ponto de vista da análise económica e financeira, mas também do ponto de vista ambiental, como o combate às alterações climáticas, a promoção da biodiversidade, a regularização dos caudais do rio Tejo, a defesa contra as cheias e a cunha salina, o abastecimento de água, a produção de energia, e até a navegabilidade do rio, contribuindo de forma decisiva para o desenvolvimento regional e nacional”, afirmou.Fórum Agricultura sustentável

Lezíria aposta no Centro de Excelência Agroalimentar

O vereador afirma que “outro desafio é a criação de um Centro de Excelência Agroalimentar, com vista à transição verde e digital do agroalimentar, para a sustentabilidade das economias agrícola e alimentar, com o propósito de prestar serviços de apoio à inovação no setor agroalimentar, apoiando a capacidade produtivas das empresas, através da transferência de conhecimento para as empresas, um trabalho que está a ser desenvolvido numa parceria entre a Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo, o Município de Santarém e a Escola Superior Agrária de Santarém, e que gostaríamos de apresentar ao Sr. Ministro”, acrescentou.

Para concluir, Nuno Russo destacou o papel das “empresas sedeadas em Santarém, e que nos acompanham no apoio à organização deste Fórum, pois tanto uma como a outra são empresas locais, de dimensão nacional, com projetos e negócios internacionais, e que muito contribuem para a economia portuguesa”. De que são exemplo a Asfertglobal e a EntoGreen.

I Fórum Agricultura Sustentável
José Manuel Fernandes, ministro da Agricultura

Ministro defende que “competitividade, a coesão territorial e a sustentabilidade são os pilares do desenvolvimento”

Manuel Fernandes afirma que “temos três pilares e não nos podemos esquecer: a competitividade, a coesão territorial e a sustentabilidade. Temos bons exemplos para mostrar, como aqui também demonstramos”.

O Ministro da Agricultura lembrou que “enfrentamos vários desafios à escala global: com destaque para as alterações climáticas e a demografia, com o aumento da população, ainda há pouco tempo éramos sete mil milhões e hoje somos oito mil milhões. Até 2050, seremos 9,6 mil milhões. O que obriga, desde logo, ao aumento da produção alimentar. Um aumento de 60 por cento. Para além disso, ainda temos questões, nem sempre previstas, como guerras que temos de enfrentar e depois a inflação que surge. Uma Guerra que tarda em acabar, a agressão da Rússia à Ucrânia. Os agricultores têm aqui um papel vital, ainda que por vezes sejam considerados os vilões, o que é inaceitável, porque eles são os escultores das nossas paisagens e enfrentam situações adversas, nem sempre com o devido apoio”, lembrou.

I Fórum Agricultura Sustentável
José Manuel Fernandes, ministro da Agricultura. Foto: João Baptista

Ministro defende a Politica Agrícola Comum

Manuel Fernandes destacou o papel da “Politica Agrícola Comum (PAC) na previsibilidade e estabilidade, tal como o rendimento dos agricultores, que ganham menos de 40 por cento do que as outras classes profissionais, o que é inaceitável. Não se admirem depois que a média de idades, fique na União Europeia, nos 58 anos e em Portugal acima dos 64 anos. Temos de valorizar este setor, que tem uma mais-valia que não é só económica, porque também contribui para o nosso turismo, para a nossa gastronomia, para a nossa cultura e para as nossas paisagens”.Fórum Agricultura sustentável

Combate às alteraçlões climáticas sim, mas com “gradualismo”, defende o ministro

O Ministro considera “para que o combate às alterações climáticas tenha sucesso, é preciso gradualismo, estar acompanhado de um Plano e Ação. Temos o Plano Estratégico da Política Agrícola Comum (PEPAC), que vamos reprogramar ate 30 de junho, que tem como objetivo a produção integrada, a eficiência e os elementos essenciais para a sustentabilidade”. Medidas que o Ministro considera essenciais para as boas práticas, como a agricultura de precisão, sem esquecer o acesso dos territórios à Internet, tendo em conta que são dois meios essenciais. A sustentabilidade tem três pilares: económico, ambiental e social, que devem estar aliados à investigação, à inovação e à digitalização. Sem esquecer a tecnologia de precisão e a Inteligência Artificial, para a otimização de processos e para a maximização da eficiência”, conclui.

I Fórum Agricultura Sustentável

De referir que, este foi o primeiro grande evento dedicado à Agricultura Sustentável em Portugal e que se pretende que seja de recorrência anual. O objetivo do Fórum da Agricultura Sustentável é debater, divulgar, amplificar e promover as boas práticas sustentáveis no setor agrícola, reforçando o reconhecimento, competência e compromisso social e ambiental do setor da Agricultura.

 

Deixe o seu comentário

por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva aqui o seu nome

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Também pode ler

Subscreva a newsletter

Receba as notícias do dia do jornal Mais Ribatejo diretamente na sua caixa de email.

Artigos recentes

Comentários recentes

pub
banner-união-freguesias-cidade-santarem

Mais Ribatejo _ PopUp _ BolsaRecrutamentoULSETEJO 

banner fna24