fbpx

Vitor Franco - page 2

Vitor Franco has 30 articles published.

Posted on Em Opinião

Se eu fizer um concerto népias-tourada, a Câmara dá-me 20 mil euros?

Estava aqui a magicar com os meus botões, vou organizar um concerto népias-tourada. Estou certo de que, a exemplo de outras ocasiões, não faltariam artistas que atuassem graciosamente ou quase. Estou é indeciso quanto ao lugar a escolher. Pensei na Escola Prática de Cavalaria… Ótima ideia! Assim, tal como a Câmara mandou os Bombeiros Municipais… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Você é um robot consumista?

Se lhe dissesse para não dar prendas neste Natal chamar-me-ia maluco! Se lhe dissesse para então só dar uma única prenda combinada com a família chamar-me-ia com outro sinónimo… Agora se eu lhe dissesse que descobri o Pai Natal quando uma noite vi a minha mãe colocar uma prenda simbólica no sapato, que tinha deixado… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Atropelamentos em passadeiras, há medidas a tomar!

Uma menina de 13 anos foi atropelada numa passadeira, na Avenida do Grupo de Forcados Amadores de Santarém, junto à EDP, no passado dia 17 de Outubro . Sendo o meu local de trabalho perto dessa passadeira, foram muitas as vezes que o chiar das travagens e o embate de viaturas fez troar sons que… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Alternativas ao encerramento da central a carvão do Pego

António Costa anunciou com a pompa e circunstância de uma tomada de posse que iria encerrar as centrais a carvão do Pego e de Sines. Os casos são diferentes. Em primeiro lugar porque são duas centrais com peso energético e social muito diferentes e em segundo lugar porque o dono do Pego já antes tinha… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Quando os doidos sobem ao poder…

Indagai… Perscrutai vossas mentes… Lembram-se de como era o Reino Unido antes de Boris Johnson? Como era o Brasil antes de Bolsonaro? Os EUA antes de Trump? A Turquia antes de Erdoğan? Sentai-vos… Concentrem-se… Respirem fundo, com calma… Descontraiam… Pois bem, recordai-vos como o mundo era melhor. E como agora se faz da barbárie uma… Continue a ler

Posted on Em Opinião

A independência de Portugal também se deve aos catalães

Quando em 1 de Dezembro de 1640, o secretário de Estado Miguel de Vasconcelos foi lançado pela janela do Paço Real de Lisboa e a vice-rainha de Portugal foi “guardada em recato” deu-se a declaração da restauração da independência do nosso país. Mas esse ano regista também a morte de um segador [em português: ceifeiro]… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Votar ou comprar raspadinhas?

A raspadinha, ou o jogo de sorte [e azar], como “solução” para os problemas da vida tornou-se uma “praga” generalizada. É fácil encontrar lugares onde se vendem jogos de sorte, mesmo próximos de escolas; estes jogos tornaram-se socialmente bem aceites. Essa aceitação favorável reside numa palavra: esperança! Milhões de pessoas gastam milhões de euros na… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Desumanidade cruel!

Gosto de pessoas que sentem o que dizem, que sentem o que sente o seu próximo, que se expressam lado a lado com a pessoa mais fraca, que se revoltam contra a injustiça mesmo que não seja com eles – injustiça é injustiça, ponto. O meu amigo é um jovem que admiro, que não tem… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Hospital de Santarém: depois não vale a pena chorar!

A falta de saúde de todos nós é um negócio milionário para alguns. Esses, grupos privados, lucram milhões à custa das debilidades das pessoas. Estes negócios não se lançam sem estudo de mercado – sem a garantia de lucro! Em verdade foi nesta base que se criaram as parcerias público-privadas. Uma das suas táticas recentes… Continue a ler

Posted on Em Opinião

As bactérias e o Sporting

Já imaginou que o seu intestino é habitat de cem mil milhões de bactérias!? Olhe, se conseguisse ver-se livre de tanta bactéria ficaria mais magro dois quilos. A minha avó diria que esses microrganismos são “beras como a ferrugem”… É que alguns nem precisam de oxigénio para crescer, chamam a esses “beras” os organismos anaeróbicos.… Continue a ler

Ir para Início