Correio dos Leitores - page 3

A opinião d@s leitor@s do Mais Ribatejo

Posted on Em Correio dos Leitores

O Porto fluvial da antiga Punhete e a memória do velhinho foral

Com as últimas conquistas no território algarvio em 1253 e a consequente estabilização política do país, o rio Tejo assumia, enquanto eixo de comunicações, uma importância crescente. Este facto acentuou-se pela circunstância de Lisboa se ter tornado a capital do Reino e a sua  principal potência  económica. Dom Dinis ao promover as obras do Tejo… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Monumentos aos combatentes da guerra do ultramar nas comunidades portuguesas no Canadá e EUA

No decurso do mês de fevereiro assinalam-se os 60 anos do início da Guerra do Ultramar (1961-1974), um período de confrontos bélicos entre as Forças Armadas Portuguesas e os Movimentos de Libertação das antigas províncias ultramarinas de Angola, Guiné-Bissau e Moçambique, que constitui um dos acontecimentos mais marcantes da história nacional e africana de expressão… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Sobre o papel da Turquia nas violações e abusos dos Direitos das Mulheres no Noroeste da Turquia

Um relatório publicado a 14 de agosto pelo “Conselho de Direitos Humanos da ONU” do Conselho de Segurança e redigido pela Comissão Internacional Independente de Inquérito sobre a República Árabe da Síria dedica todo um capítulo ao tratamento de que têm sido alvo as mulheres curdas e yazidis dos territórios do norte da Síria ocupadas… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Maria Beatriz Rocha-Trindade: uma vida de trabalho académico sobre migrações

No decurso das últimas décadas, o estudo sobre o fenómeno migratório tem sido profusamente enriquecido com um conjunto diversificado de atividades e trabalhos que têm dado um importante contributo para o conhecimento da emigração portuguesa. Neste conjunto diversificado de atividades e trabalhos, onde se cruzam os olhares interdisciplinares das ciências sociais, encontram-se, entre outros, livros,… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Para a história apócrifa de Camões em Punhete

Um dia houve um desses bailes no  palácio da Torre de Punhete (designação de então da Vila de Constância).  Certa dama trocista, de grossos lábios,  como  Camões a não cortejasse, declamou para espanto dos convivas: “Adeus meus olhos Para te dizer meus olhos Não tendes senão um Para te dizer meu olho Julgarão que é… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Memórias do comércio perdido da histórica vila de Constância

Lembram-se? Dos cartuchos? Do papel pardo (desperdício da velha reciclagem)? Eram usados nas mercearias da vila de Constância e um pouco por todo o lado.  Na vila,  podiam ser encontrados  no «João Costa», na «Mari Lopes», na «Marineta», no «Zé Rebimbas»,  no Sr Raimundo, na Drogaria do Sr Aurélio e, depois de usados, fazíamos “gatos”… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Manuel Bettencourt – entre o sonho americano e o orgulho nas raízes portuguesas

A comunidade lusa nos Estados Unidos da América (EUA), cuja presença no território se adensou entre o primeiro quartel do séc. XIX e o último quartel do séc. XX, período em que se estima que tenham emigrado cerca de meio milhão de portugueses essencialmente oriundos dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, destaca-se hoje pela… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Para que haja memória – A guerra colonial começou há 60 anos

O Homem só progride e evolui se resolver o seu passado, conseguindo a capacidade necessária para construir o seu presente, olhando de forma objetiva para o seu futuro. Hoje “celebra-se” uma efeméride que marcou o nosso passado como nação, mas que ainda não está resolvida no íntimo de muitos portugueses, antigos militares e colonos, a… Continue a ler

Posted on Em Correio dos Leitores

Recebi uma conta do gás de 23,17€ à qual acrescem impostos no valor de 84,30€. O que vai a Câmara do Cartaxo fazer?

Tal como a maioria dos habitantes da cidade do Cartaxo, a semana passada tive conhecimento que o executivo tomou decisão, no que respeita à taxa de ocupação do subsolo, que vem tornar incomportável, para as famílias da cidade, a fatura do gás natural. Após receção da fatura deparei-me com uma conta de 23,17€ à qual… Continue a ler

Ir para Início