fbpx

armando fernandes

Posted on Em Ribatejo Cool

Os 40 anos do Festival Nacional de Gastronomia

No átrio da Casa do Campino realizou-se a apresentação do programa das comemorações dos quarenta anos do Festival Nacional de Gastronomia. O Dr. João Leite, Presidente da Empresa Municipal Viver Santarém explanou com minúcia os travejamentos que suportam as inúmeras realizações culturais a levar a efeito no decurso do ano cujo ponto alto será o… Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & bebes – MINOC, alentejano

Tenho cuidado de no início da crónica referir a certidão de nascimento deste branco acetinado – Alentejano – porque é elegante sem perder firmeza, fresco, de bom palato, guloso quer no conceito de apadrinhador de tem-te-em pé a sós ou no acompanhar cabeça de xara, presunto barranquenho, finas fatias de paio oriundo dos três Alentejos,… Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & bebes – Fumeiro em Vinhais

No fim-de-semana passado realizou-se em Vinhais nova edição da Feira do Fumeiro, a mais antiga pós 25 de Abril, a qual como o Festival Nacional de Gastronomia em Santarém, foi e é copiada, não sendo heresia afirmar-se que abriu os olhos a muitos responsáveis políticos no sentido de apadrinharem eventos desta natureza, o que veio a suceder um pouco por todo o País do interior e onde o porco é rei, ora acrescido de toda a sorte de produtos alimentares de matricialidade da sazão identitária das regiões em que se realizam. Continue a ler

Posted on Em Opinião

Interpretações

Nada mais doloroso será mais doloroso para os parentes da pessoa visada ver e ouvir noticiários e ler nos jornais notícias e comentários relativos à mulher ou homem que saltou para os palcos da ribalta por ter proferido comentários ou cometido acções a suscitarem reprovação generalizada e clamores jocosos ou irados contra quem subiu a… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Os aliados de Ventura

Livros de várias tonalidades auxiliam-mos a entender os subterrâneos do entendimento formal ou por imperativos dos interesses contrários. No caso do dirigente do CHEGA pode não existir acordo pensado e falado, no entanto, na prática a cousa resulta em lucros ou dividendos políticos para ele e os seus contrários. O fenómeno do exagero mediático já… Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & bebes – Coragem, tinto

Um tinto consagrado à célebre casta portuguesa Touriga Nacional, mão de vinhos gulosos, repletos de aromas a fruta madura, preta e de tonalidades minerais. A fruta no Coragem é exuberante, no entanto, os taninos irrompem de forma a suscitarem o desejo de serem domesticados para gozo do palato. Apto a acompanhar carnes vermelhas, enchidos bem… Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & bebes – A esquisita lampreia

Não estava à espera, mas quando à entrada do restaurante me anunciaram a existência na cozinha da esquisita lampreia, do ano em curso, não hesitei, fiz a estreia no que à aflautada e luxuriosa espécie diz respeito a quem consagrei um livro há uns anos. Aprecio-a debaixo de todas as formas comestíveis desde que a… Continue a ler

Posted on Em Opinião

Chicão

A aglutinação do patronímico quadra bem no Ribatejo da Lezíria de fortaleza contra os elementos nas invernias, os animais possantes e bravos nos redondéis enquanto o PAN não convencer António Costa a erradicá-los, a ministra da Cultura não possui cultura para entender o simbólico profundo das cinco horas da tarde, não terá lido Lorca, muito menos o catalão Espriu, o mesmo julgo aplicável ao rugidor agora investido no cardo de presidente do CDS. Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & Bebes – Carnes Vermelhas

Em recentes leituras acerca das principais produções no Ribatejo no tocante a animais, as estatísticas disseram quão importantes é a produção de carnes bovinas, as quais estão a ser alvo de despudorado ataque como é exemplo a ditatorial proibição do consumo de carne de vaca nas cantinas da Universidade de Coimbra. Continue a ler

Posted on Em Ribatejo Cool

Comes & bebes – Abreu Callado, tinto

Um prezado amigo ofereceu-me este tinto alentejano e pediu-me opinião. Trata-se de um vinho originário em uvas das castas Baga e Alfrocheiro. Fiquei curioso dado associar as referidas castas à região do Dão, no entanto, para lá de no contra-rótulo vir a natureza do solo onde a vinha foi plantada em 1997, argilo-calcário, interessou-me degustar… Continue a ler

Ir para Início