Os desafios ambientais das cidades debatidos em Santarém

Em Região

No âmbito da Semana Europeia da Mobilidade 2019, o Município de Santarém organizou a Conferência: “Os atuais desafios ambientais das cidades” esta quarta-feira, dia 18, pelas 14h30 no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Na sessão de abertura, Inês Barroso, Vice-presidente da Câmara Municipal de Santarém (CMS) deu as boas vindas aos\às participantes, professores\as e alunos\as do CENFIM e do Projeto Agir + E7G, aos elementos da PSP de Santarém, da GNR de Santarém e da Associação Salgueiro Maia.

Seguiu-se a assinatura do protocolo de cooperação entre o Municipio e a Associação Portuguesa do Ambiente (APA) no âmbito da Campanha “Por um país com bom ar”.

A apresentação “O Clima em Portugal no Cenário das Alterações Climáticas” esteve a cargo de Álvaro Pimpão Silva, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Seguiu-se a intervenção sobre a “Qualidade do Ar: Estratégia Nacional para o AR”, por Dília Jardim, da APA.

A apresentação da “Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas (EMAAC)” foi conduzida por Maria João Cardoso e Patricia Pereira da Equipa Multidisciplinar de Ação para a Sustentabilidade (EMAS) da CMS. A EMAAC é um “documento norteador das políticas públicas locais alinhado com a Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas 2020 (ENAAC 2020), alicerçado em dinâmicas de participação pública para refletir as vontades dos cidadãos e o qual representa a continuidade do trabalho do Município em matéria de Ação Climática e revela a vontade de consolidar sinergias para um efetivo envolvimento e responsabilização de todos os atores da sociedade na urgente mudança dos atuais padrões de vida”.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é image-1-1024x683.png

As crianças e jovens do projeto Agir + E7G fizeram a apresentação da carta de recomendações ao Município de Santarém, assumindo uma dinâmica de participação e cidadania transversal ao projeto e que numa atitude de consciência ecológica se apresentaram com voz ativa junto do poder político, onde foram apresentadas algumas das suas preocupações e recomendações em relação à temática.

No final, os responsáveis do projeto afirmaram que “houve um excelente acolhimento para as propostas apresentadas e de volta trouxeram novos desafios por parte do Município de Santarém e também por parte da RodoTejo para cada vez mais trabalharem com a sua participação e envolvimento a nível da redução do impacte ambiental”.

A sessão terminou com uma dinâmica de participação pública, onde os\as participantes deram o seu contributo, através de emojis adesivos previamente distribuídos, para a votação sobre prioridades nas questões apresentadas em quatro painéis criados para o efeito.

De referir que a Conferência “Os atuais desafios ambientais das cidades” teve como missão sensibilizar para os desafios das cidades contemporâneas, nas quais se concentram grande parte da população, da riqueza e da capacidade de desenvolvimento, que são responsáveis por grande parte da energia produzida mundialmente (60 a 80 por cento na Europa) e por isso contribuem em larga escala para a emissão de Gases com Efeito de Estufa (GEE).

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Recentes de Região

Ir para Início